Rapper Pop Smoke morto a tiro em casa. Tinha 20 anos

O rapper Pop Smoke foi assassinado durante um assalto à sua casa, situada em Los Angeles. O músico tinha concerto marcado para este ano em Portugal, no festival Rolling Loud, Portimão.

Rapper Pop Smoke morto a tiro em casa. Tinha 20 anos

O rapper Pop Smoke foi assassinado durante um assalto à sua casa, situada em Los Angeles. O músico tinha concerto marcado para este ano em Portugal, no festival Rolling Loud, Portimão.

O rapper Pop Smoke, de 20 anos, foi assassinado esta quarta-feira, 19 de fevereiro, durante um assalto à sua casa, situada em Los Angeles.  Segundo o TMZ, a habitação terá sido invadida por dois homens encapuzados, que dispararam à queima-roupa contra o jovem. O músico foi transportado para o hospital em estado grave, mas acabou por morrer minutos mais tarde.Os suspeitos fugiram do local e ainda não tinham sido identificados.

LEIA DEPOIS
Alunos do profissional passam a ter acesso ao ensino superior sem fazer exames nacionais

Pop Smoke vinha em julho a Portimão

As autoridades norte-americanas reveleram ao TMZ que estava a decorrer uma festa ou reunião na residência do rapper antes do tiroteio. A polícia desconhece os motivos do crime, estando a tentar reunir pistas para apanhar os autores do crime.

Pop Smoke, fenómeno do hip hop norte-americano, era era conhecido pelos temas Welcome To The Party e  Dior. Tinha concerto marcado para Portugal, no festival Rolling Loud, em Portimão, em julho.

 

Fotos: Reprodução Instagram

LEIA MAIS
Meteorologia: Previsão do tempo para quinta-feira, 20 de fevereiro
PSP já investiga vídeo onde homem é forçado a respirar fumo de escape

Impala Instagram


RELACIONADOS