Tudo sobre o projeto mistério de Cristina Ferreira

“Cristina coMvida”, o programa idealizado por Cristina Ferreira e João Patrício, em 2014, vai ter lugar na nova grelha de programação da TVI. A Nova Gente desvenda o que já se saber sobre o projeto.

Tudo sobre o projeto mistério de Cristina Ferreira

Tudo sobre o projeto mistério de Cristina Ferreira

“Cristina coMvida”, o programa idealizado por Cristina Ferreira e João Patrício, em 2014, vai ter lugar na nova grelha de programação da TVI. A Nova Gente desvenda o que já se saber sobre o projeto.

Foi a maior surpresa da noite. Em 2021, a TVI vai finalmente retirar da gaveta “Cristina coMvida“, projeto que Cristina Ferreira apresentou à estação de Queluz de Baixo, em 2014, e que não avançou… até agora. E que formato é este? O mesmo que inspirou “O Programa da Cristina”, que a malveirense apresentou durante 18 meses nas manhãs da SIC até a comunicadora voltar à TVI. Confuso? Um pouco. Comecemos pelo fim. Na noite desta quinta-feira, a Diretora de Entretenimento e Ficção do canal da Media Capital foi a anfitriã do evento em que foram apresentadas as principais apostas da programação da TVI para 2021. A emissão especial, designada “O Futuro”, encerrou com o Diretor-Geral, Nuno Santos, a interromper o canto do hino da estação para anunciar que estava na altura de tirar da gaveta um projeto há muito lá guardado. Surgem, então, imagens ficcionadas de um homem a arrumar, em 2014, um dossier chamado “Cristina coMvida”. Há uma passagem temporal e, em 2021, uma mulher, presumivelmente Cristina Ferreira, retira da mesma gaveta o tal documento. Folheia-o e, logo numa das primeiras páginas, surge uma ilustração de uma porta. “Vamos entrar?”, pode ler-se. O evento da TVI terminou naquele momento, mas depressa dúvidas se levantaram. Cristina Ferreira vai conduzir o programa que sugeriu à TVI e que veio a originar “O Programa da Cristina“? Cristina Ferreira vai repetir a fórmula usada durante um ano e meio nas manhãs da SIC? Cristina Ferreira vai voltar ao mesmo género de programa televisivo quando, em setembro passado, justificou o seu adeus à estação de Paço de Arcos porque já tinha chegado “uma altura em que já estava feito” o que tinha a fazer? As questões são muitas, as respostas muito poucas. “Brevemente”, promete a TVI, saber-se-á o que aí vem, para que horário vem, com que periodicidade vem e em que moldes vem. Para já, ficam os consecutivos pontos de interrogação.

 

“A TVI achou era a altura de o programa ser implementado”

Veja a notícia completa aqui

Notícia www.novagente.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS