Teresa Guilherme fala sobre os «erros da TVI» desde a saída de Cristina Ferreira

A apresentadora de televisão fala sobre as mudanças pelas quais a TVI tem passado desde a saída de Cristina Ferreira para a SIC.

Teresa Guilherme fala sobre os «erros da TVI» desde a saída de Cristina Ferreira

A apresentadora de televisão fala sobre as mudanças pelas quais a TVI tem passado desde a saída de Cristina Ferreira para a SIC.

A última vez que Teresa Guilherme apareceu nos ecrãs portugueses foi em 2016, ano em que conduziu pela última vez um reality show na TVI. A apresentadora fala, em declarações à TV 7 Dias, sobre as mudanças na TVI e sobre o seu regresso à televisão, após o anúncio do regresso do Big Brother em 2020.

LEIA DEPOIS

Apresentadora perde processo contra Ricardo Salgado e fica sem milhões de euros

«Tem a certeza que vai haver um Big Brother em 2020? Eu já ouvi isso tantas vezes, com datas diferentes. Para todos os efeitos, se alguém me contactou? Não», revela Teresa Guilherme, à TV 7 Dias. «Gostava de voltar à televisão sim, para fazer uma coisa interessante sim. Isso é que é um efeméride mesmo, passados 20 anos. Se for com todas as condições que havia naquela altura, e estou a falar de condições de conforto, da casa, dos concorrentes, claro que é aliciante revisitar um momento em que se mudou a televisão em Portugal e não só», confessa.

«A TVI fez uma quantidade de erros» após a saída de Cristina

A apresentadora de televisão não deixou de comentar, à mesma publicação, as mudanças pelas quais a TVI tem passado desde a saída de Cristina Ferreira para a SIC. Teresa Guilherme refere que o facto de o canal apostar em programas que o público associava a Cristina poderá ter prejudicado o canal de Queluz de Baixo.

«Quando a Cristina saiu esperava que ela tivesse a capacidade de derrubar as manhãs. A queda da TVI toda junta já foi um conjunto de opções discutíveis porque não faz sentido», refere.

«Acho que a TVI fez uma quantidade de erros, em horários diferentes. Acho errado manterem os programas como o Dança com as Estrelas e o A Tua Cara Não Me É Estranha, porque são dois formatos que tinham sido apresentados pela Cristina. Ou seja, a permanente lembrança da ausência desta não ajudou. É como se tivessem a enaltecer uma coisa que já não tinham», acrescenta.

Atualmente, e enquanto não recebe convites para a televisão, Teresa Guilherme ocupa o seu tempo a dar palestras motivacionais, em Lisboa.

LEIA MAIS

Você na TV! TVI muda de planos e mantém programa pelo menos até março

Impala Instagram


RELACIONADOS