Simone de Oliveira: «O público não merecia ver-me coxear»

Simone de Oliveira: «O público não merecia ver-me coxear»

Simone de Oliveira fez algumas revelações a Júlia Pinheiro. Desde a amizade de amor-ódio com Amália Rodrigues à relação de 23 anos com Varela da Silva.

Com 80 anos de vida e 60 de carreira, Simone de Oliveira recordou a vida nos palcos e em casa, com os amigos e o «amor de uma vida», Varela da Silva. A cantora esteve esta sexta-feira no programa de Júlia Pinheiro, onde partilhou alguns momentos que a marcaram.

«Parabéns. Toda a gente fala da música portuguesa. A sua voz representa Portugal e o melhor da nossa música.»

Estas foram as palavras escritas numa carta que Amália Rodrigues enviou a Simone de Oliveira. A cantora recorda a amizade de longa data que teve com a fadista. Simone relembra que Amália era «uma mulher difícil, que nem sempre reconhecia o talento».

Tinham uma amizade forte, com tudo o que isso implica. «A Amália era uma vedeta. Tinha tudo de bom e de mau», afirma.

O caminho de Simone de Oliveira não podia deixar de ser recordado sem se nomear o nome Varela da Silva. «É e sempre será o amor da minha vida».

LEIA MAIS: Cantora cancela concertos: «Vou fazer uma prótese na anca porque senão fico sem andar»

A cantora falou emocionada do encenador português com quem foi casada. «O Varela não era homem de dizer ‘a minha mulher’ e eu ‘o meu marido’. Também nunca demos os braços.» Sempre foram discretos ao longo da relação: «Trabalhámos dois anos no Teatro Nacional, e eu nunca fui ao camarim dele e ele também nunca foi ao meu. Aquele era o local de trabalho».

Com a morte de Varela da Silva, a cantora revela que foi e é muito difícil saber viver com a ausência dele. «O fim não foi fácil. Ainda há a cadeira do Varela em casa». Simone de Oliveira afirma que apenas se mentalizou da morte do marido, quando se apercebeu que «não havia mais chave a bater na porta de casa». «Nesse dia, chorei tanto», diz emocionada. Chorou sempre sozinha, e ainda hoje, quando se sente «à nora» na vida, fala sempre com ele «lá em cima».

Simone de Oliveira cancela concertos devido a problema de saúde

Para comemorar os 60 anos de carreira, a cantora interpreta o musical da sua vida, «Simone, O Musical». Estreou em 2017, e este ano está de volta. No entanto, a cantora viu-se obrigada a cancelar o regresso aos palcos, devido a um problema de saúde. Simone de Oliveira terá de fazer uma intervenção cirúrgica urgente e por isso não poderá fazer o espetáculo.

«Tenho de fazer uma prótese à anca. Não era previsível, mas tenho uma artrose que foi tomando conta do fémur e não me deixa ter agilidade», explica. Simone de Oliveira é breve e sucinta em relação a este assunto. «O público não merecia ver-me coxear e como detesto aquela coisa do ‘ai coitadinha’ decidi cancelar.»

A operação ainda não tem data marcada, mas a cantora diz que «está para breve».

Simone de Oliveira afirmou estar «bem disposta» e fez um pedido ao público. «Quando eu partir façam o favor de cantar o tema de abertura do musical.»

LEIA MAIS: Irmã de Luís Grilo sobre filho do triatleta: «Não lhe posso tirar a mãe»

Texto: Jéssica dos Santos - Redação WIN - Conteúdos Digitais

 

 

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Simone de Oliveira: «O público não merecia ver-me coxear»

Simone de Oliveira fez algumas revelações a Júlia Pinheiro. Desde a amizade de amor-ódio com Amália Rodrigues à relação de 23 anos com Varela da Silva.