«Pessoas como tu cago eu ao pequeno-almoço», diz Érica Silva

Ex-concorrente da Casa dos Segredos lado a lado na luta contra a violência doméstica

Érica Silva foi vítima de violência doméstica, por parte de um namorado, em 2016. Helena Isabel contou ao mundo que passou por uma situação semelhante este ano. Ambas estão agora na luta contra estes episódios difíceis e a ex-concorrente de Casa dos Segredos faz questão de apoiar a vencedora da sexta edição deste reality show da TVI.

LEIA MAIS: Júlia Pinheiro fala sobre o aborto que sofreu e como o marido a culpou

Prova disso são as respostas que Érica deu a Gonçalo Rosado, o ex-namorado da amiga, que decidiu enviar-lhe mensagens através do Instagram. A cabeleireira e maquilhadora recebeu um Emoji de Gonçalo e acabaram por trocar algumas farpas que, agora, o site da Nova Gente divulga.

«Então, mas ainda há bocado disseste que amas a Helena… O que tens nessa cabeça?»  Gonçalo responde-lhe. «Eu, felizmente, sei distinguir um Emoji da vida real. Ela [Helena], se me amasse, não fazia o que faz e fez.»  A troca de palavras continua e, irritada, a ex-concorrente responde de forma temperamental, como é sua caraterística. «Pessoas como tu cago eu ao pequeno-almoço. […] Para o meu lado, estás f*****!» Para acabar com aquele diálogo, Érica Silva chama Diabo a Gonçalo. «Sai, Satanás!» Ao que Gonçalo Rosado apenas responde com um ponto final.

«Essa criatura tentou passar-se por inocente»

Em conversa com o site da Nova Gente, Érica explica que foi a «primeira vez» que falaram e que o ex-namorado de Helena Isabel se meteu com a pessoa errada. «Essa criatura tentou passar-se por inocente com um simples Emoji, mas de intenções está tudo cheio», disse. A cabeleireira contou-nos que enviou a conversa a Helena. Apesar de não serem amigas «de todos os dias», as ex-concorrentes falam «de vez em quando». por isso, Érica quis contar-lhe o que estava a acontecer».

LEIA MAIS: Mulher rasga pénis ao namorado para ver o Factor X

«Decidi perguntar à Helena se a criatura não era o ex dela. Ao qual ela me disse que sim. Entretanto, disse-me que ele ainda há instantes lhe teria dito que a amava. Decidi ‘rebentar’ com ele», justifica.

Os casos de violência doméstica de Érica Silva e Helena Isabel

Érica Silva revela aos portugueses o seu drama em 2016. «Foi uma relação muito conturbada, apesar de eu ter escondido sempre e ter feito parecer o contrário», disse na altura à TV 7 Dias. «A primeira vez que ele me bateu foi logo no início, com um mês de relação», desabafou a madeirense. Helena Isabel decidiu dar este passo, em julho deste ano. «Até hoje, o dia em que alguém decidiu atentar contra a minha dignidade num ato de revolta. Num ato cruel. Num ato de desespero por não saber aceitar um NÃO. A violência doméstica é considerado um crime público», escreveu há meses.

LEIA MAIS: Érica “exporta” cenas de sexo para Espanha [conteúdo para adultos]


RELACIONADOS