Pedro Pinho condenado a dois anos de prisão após agredir jornalista da TVI

As agressões aconteceram em 2021, enquanto Francisco Ferreira cobria o jogo do FC. Porto contra o Moreirense. A pena de dois anos fica suspensa, pelo mesmo período de tempo.

Pedro Pinho condenado a dois anos de prisão após agredir jornalista da TVI

Pedro Pinho condenado a dois anos de prisão após agredir jornalista da TVI

As agressões aconteceram em 2021, enquanto Francisco Ferreira cobria o jogo do FC. Porto contra o Moreirense. A pena de dois anos fica suspensa, pelo mesmo período de tempo.

Recorda-se do episódio em que um repórter de imagem da TVI, Francisco Ferreira, foi agredido enquanto estava em trabalho após o jogo do Moreirense contra o FC. Porto? O caso foi para a justiça e o agressor, o empresário de futebol Pedro Pinho, foi, esta tarde, condenado a dois anos de prisão, com pena suspensa, pelo ato de violência contra o jornalista.

O tribunal decretou que Pinho terá ainda de pagar uma indeminização de 8.450 euros a Francisco Ferreira, pelo crime, que aconteceu no ano passado, a dia 29 de abril.
 
Pedro Pinho, que na operação Prolongamento é suspeito de ser testa de ferro da família de Jorge Nuno Pinto da Costa no desvio de milhões dos cofres dos azuis e brancos,  já havia sido punido pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) com quatro meses de suspensão, à qual acresceu uma multa de 3.600 euros pelas agressões.
Texto: Tiago Miguel Simões; Fotos: D.R

Veja a notícia completa aqui

Notícia www.novagente.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS