1. HOME >
  2. FAMOSOS >
  3. NACIONAIS
«Tinha muita coisa para provar àquela gente. Chorei muito»

«Tinha muita coisa para provar àquela gente. Chorei muito»

Maria Cerqueira Gomes não conteve as lágrimas, durante a entrevista a Fátima Lopes, ao receber os elogios dos amigos e falar das saudades que sente do Porto.

Maria Cerqueira Gomes fez uma viagem ao passado e revelou o seu lado mais íntimo junto de Fátima Lopes no programa ‘Conta-me como És’. A nova apresentadora da TVI recebeu elogios de amigos e colegas de trabalho e não conteve as lágrimas. A Nova Gente mostra-lhe o que fez o novo rosto da estação de Queluz chorar.

LEIA MAIS: Jovem tem acidente por conduzir de olhos vendados

«Dá para chorar logo no início?», começa por perguntar Maria Cerqueira Gomes. «Eu nasci e vivi sempre na cidade do Porto, é la que me sinto em casa, sempre passeei muito pela cidade com os meus avós. Sempre me foi incutido desde pequenina o gosto pela cidade», conta.

A apresentadora revela o papel fundamental que os avós tiveram na sua infância. «O meu lado mais de mimo e de colo vem daí, sempre vivi muito com os meus avós e tento passar também isso aos meus filhos.»

«Tinha muita coisa para provar àquela gente que já tinha bagagem»

Maria Cerqueira Gomes revela-se profissional e diz que esse seu lado já lhe trouxe algumas amarguras na vida. «Sofro muito com isso, sou muito de compromissos. Se eu prometer eu faço, quando assumo um compromisso eu tento fazê-lo até não poder mais.»

E que género de amiga é Maria Cerqueira Gomes? «Dou colo, tento dizer sempre a verdade, tento ser o mais leal possível e espero que todos os meus amigos pensem isso de mim.»

LEIA MAIS: Este é o amuleto de Cristina Ferreira contra o mau-olhado

Maria Cerqueira Gomes iniciou a carreira na televisão com um casting no ‘Porto Canal’ pouco tempo depois de ter sido mãe aos 19 anos.

«Comecei por um programa que se chamava ‘Porto de Abrigo’ em que visitava instituições de solidariedade social. Estive em instituições com crianças abandonadas. Aquilo foi um balde de água fria», revela.

A apresentadora confessa que teve de provar aos profissionais da televisão de que era capaz. «A minha equipa vinha da NTV e eu era a menina betinha da Foz», conta acrescentando ainda que «chorava muito porque tive de crescer a fazer televisão, cresci a errar».

«Gosto de dividir protagonismo»

Fátima Lopes destaca o lado verdadeiro e genuíno da nova apresentadora do ‘Você na TV’: «Sou muito descontraída, muito informal, sinto mesmo que sou mais uma na salas das pessoas».

«Quando falho, falho, rio-me e reclamo. Eu falo tanto da minha equipa, que eles sentiram a necessidade de por uma câmara na régie. Gosto de dividir protagonismo.»

Sobre as saudades que sente do Norte, Maria Cerqueira Gomes não consegue conter as lágrimas e fala dos que lhe fazem falta. «Eu trago o Norte comigo, vou ter muitas saudades, vou ter muitas saudades da minha equipa do ‘Porto Canal’.»

A companheira das manhãs de Manuel Luís Goucha diz não ter medo das comparações inevitáveis com Cristina Ferreira. «Não tenho medo das comparações, sei que vão existir, é inevitável, mas também sei que tenho um percurso de 12 anos que prova que sou aquilo e que não quero ser ninguém.»

A entrevista de Maria com Fátima Lopes foi adiada uma semana para que não fosse emitida ao mesmo tempo que Cristina Ferreira conversava com Daniel Oliveira no Alta Definição.

LEIA MAIS: Previsão do tempo para domingo, 13 de janeiro de 2019

Texto: Redação WIN - Conteúdos Digitais

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

«Tinha muita coisa para provar àquela gente. Chorei muito»

Maria Cerqueira Gomes não conteve as lágrimas, durante a entrevista a Fátima Lopes, ao receber os elogios dos amigos e falar das saudades que sente do Porto.