Marco Paulo interrompido em direto na SIC acaba a pedir desculpa

Marco Paulo voltou a protagonizar um momento polémico na SIC. O cantor não gostou de ser interrompido por José Figueiras e Ana Marques acabou por pôr tudo em pratos limpos.

Marco Paulo interrompido em direto na SIC acaba a pedir desculpa

Marco Paulo voltou a protagonizar um momento polémico na SIC. O cantor não gostou de ser interrompido por José Figueiras e Ana Marques acabou por pôr tudo em pratos limpos.

Marco Paulo esteve no programa Alô Portugal (SIC) desta quinta-feira, dia 8 de dezembro, conduzido por Ana Marques e José Figueiras, e está a dar que falar devido à sua postura. Enquanto falava sobre o grande espetáculo que vai dar no Campo Pequeno, a 11 de março, o artista foi interrompido por José Figueiras com uma questão. “Posso falar?”, atirou. José Figueiras não se ficou. “Olha, este é o nosso programa”, comentou, divertido. Ana Marques, com quem Marco Paulo trabalha no Alô Marco Paulo, reforçou a ideia. “Este programa é meu e dele. Estás na minha cadeira, mas isso não te dá direito a tudo”, disse. O artista acabou por perceber: “Ai, desculpa”.

Luta contra o cancro

Marco Paulo tem enfrentado esta nova luta contra o cancro, agora no pulmão, com o seu habitual otimismo. No entanto, revela que recebeu indicações médicas para se proteger. “A minha médica disse para eu ter muito cuidado com o frio e com a humidade”, começou por revelar à revista ‘TV Guia’. “Os médicos querem que eu me resguarde o mais possível. Por exemplo, não posso apanhar a aragem fria da manhã, agora de inverno. Quando me levanto da cama, tenho de me resguardar o mais possível”, indicou. O cantor explicou ainda que vai continuar a atuar, mas com restrições.

“As atuações não se podem prolongar muito tempo, porque, de um momento para o outro, posso…ter um problema grave […] Só posso fazer concertos até 1h15 ou 1h30, com alguns intervalos de uma música para a outra, para que o pulmão não se ressinta”, confidenciou, mostrando os seus receios. “Tenho metástases no pulmão, elas podem espalhar-se para outro órgão do corpo. O conselho que a médica me deu foi o de me preservar o mais possível. O problema agora é só esse porque os exames estão bons”, concluiu. Leia a notícia completa aqui.

Texto: Vânia Nunes;
Fotos: Redes Sociais

Estado perdeu milhões de euros com hotel fundado por João Baião
João Baião fundou a unidade hoteleira em 2002. Mas o negócio acabou por se revelar um fracasso. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS