Manuel Maria Carrilho Agride amigo de Bárbara Guimarães ao pontapé

Nuno Oliveira relatou em tribunal as agressões de que terá sido alvo. O amigo de Bárbara Guimarães é uma das dezenas de testemunhas do processo de violência doméstica do qual Manuel Maria Carrilho é arguido.

Manuel Maria Carrilho Agride amigo de Bárbara Guimarães ao pontapé

Nuno Oliveira relatou em tribunal as agressões de que terá sido alvo. O amigo de Bárbara Guimarães é uma das dezenas de testemunhas do processo de violência doméstica do qual Manuel Maria Carrilho é arguido.

Os acontecimentos remontam a outubro de 2013, quando Manuel Maria Carrilho e Bárbara Guimarães estão já em processo de separação. De acordo com Nuno Oliveira, amigo da apresentadora da SIC, o antigo ministro da Cultura tentou arrombar a porta onde viveu com a Bárbara e com os filhos, Dinis Maria e Carlota.

 

É durante esse episódio que, relata Nuno Oliveira, Manuel Maria Carrilho o terá agredido com um pontapé na cabeça. O amigo de Bárbara diz ainda que Carrilho surgiu no local com um grupo de uma dezena de pessoas, entre as quais estavam uma ou duas pessoas do PS.

 

Outra das testemunhas ouvidas esta segunda-feira no Campus da Justiça, em Lisboa, foi Catarina Azevedo. A educadora de infância de Carlota, a filha de Manuel Maria Carrilho e Bárbara Guimarães, argumenta que a menina de seis anos parecia “manipulada” pelo pai.

 

A Carlota parecia condicionada. Não olhava para trás quando o pai a ia buscar. Dava-me a ideia que ela tinha ordens para ser assim”, explicou a educadora de infância.

 

A próxima sessão do julgamento acontece a 24 de abril.

 

 

 

Veja mais aqui! www.novagente.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS