Júlio Magalhães impôs condição para aceitar CNN Portugal

Júlio Magalhães integra a equipa do novo canal informativo da Media Capital, cujas emissões arrancam a 22 de novembro. Jornalista vai apresentar o noticiário das 21 horas, semana sim, semana não.

Júlio Magalhães impôs condição para aceitar CNN Portugal

Júlio Magalhães integra a equipa do novo canal informativo da Media Capital, cujas emissões arrancam a 22 de novembro. Jornalista vai apresentar o noticiário das 21 horas, semana sim, semana não.

Júlio Magalhães é um dos rostos principais da CNN Portugal, cujas emissões arrancam a 22 de novembro, mas o jornalista só aceitou o convite de Nuno Santos – diretor-geral do canal – com uma condição.

Júlio Magalhães é um dos colaboradores do programa “Manhãs 360º” na Rádio Observador e, conforme contou na emissão desta segunda-feira, 25 de outubro, fez questão de acumular ambos os projetos. Esta revelação foi feita em conversa com os restantes colegas de painel: Maria João Simões, Carla Jorge de Carvalho e Paulo Ferreira.

Depois de terem comentado vários temas da atualidade, Maria João Simões ‘meteu-se’ com o jornalista: “Na sexta-feira, foi anunciado que vais apresentar o principal noticiário na CNN Portugal. Temos vários ouvintes a perguntar se vais continuar conosco nas manhãs, no 360o, da Rádio Observador. Nós já sabemos a resposta, mas queres ser tu a partilhar aqui em direto?”

“Não confirmo, nem desminto”, começou por dizer, a rir, em tom de brincadeira. A seguir, respondeu à questão num tom mais sério: “É verdade. Tive a honra de ser convidado para participar nesse mega projeto que é a CNN e vou participar no noticiário das 21 horas, semana sim, semana não. Mas a honra que eu tenho de ter sido convidado para este grande projeto informativo em Portugal e de televisão é a mesmíssima que tive quando fui convidado para o Observador”.

“Fazer isto convosco foi dos melhores momentos profissionais que tive até hoje. A forma como vocês me receberam, a forma como têm partilhado comigo e me têm ensinado tudo o que aqui se faz durante a manhã, na rádio, também contribuiu muito para que, nesta decisão, pusesse sempre em cima da mesa esta ideia de que só iria se continuasse também no Observador”, concluiu Júlio Magalhães.

Texto: Patrícia Correia Branco; Fotos: Impala

 

Impala Instagram


RELACIONADOS