Júlio César desiste da novela da SIC devido à doença do filho

Júlio César revela à NOVA GENTE que teve de se afastar de “Bate Coração” por causa do filho, internado num hospital em Lisboa. “Entre um filho e uma novela, não há como escolher”, diz o ator.

Júlio César desiste da novela da SIC devido à doença do filho

Júlio César desiste da novela da SIC devido à doença do filho

Júlio César revela à NOVA GENTE que teve de se afastar de “Bate Coração” por causa do filho, internado num hospital em Lisboa. “Entre um filho e uma novela, não há como escolher”, diz o ator.

Júlio César está afastado da novela “Bate Coração”. O ator, de 73 anos, integrava a trama escrita por Ana Casaca, mas um problema de saúde do filho impede-o de continuar no elenco: Vítor Hugo, de 53, foi infetado com uma “bactéria hospitalar”, revela o artista à NOVA GENTE. “Já não faço parte da novela. O meu filho foi internado no Hospital de Santa Maria [Lisboa]”, conta à nossa revista. “Os filhos estão sempre em primeiro lugar e entre um filho e uma novela, não há como escolher”, acrescenta.

Vítor Hugo foi submetido a uma cirurgia a um aneurisma da aorta torácica em janeiro passado. A “operação correu muito bem”, mas “agora surgiu este problema”: Vítor luta contra uma infeção resultante de uma batéria adquirida em ambiente hospitalar. Estas infeções costumam ser de difícil tratamento, uma vez que são mais resistentes a antibióticos.

“O Vítor mora sozinho”, explica Júlio César à nossa revista, contando que lhe dedica os seus dias. “Quando as famílias são pequenas como a minha, têm de se socorrer. Além disso, eu só tenho um filho e ele só tem um pai”, sublinha. Já em abril, três meses depois de Vítor ter sido operado, o ator tinha revelado que este estava ao seu cuidado. “Vou estando por casa a maior parte do tempo”, admitia.

Júlio César recusou novela em 2018

Esta é a terceira vez, em apenas dois anos, que problemas de saúde interferem com a vida profissional de Júlio César. A primeira aconteceu em 2018, quando foi convidado para fazer parte do elenco de “Alma e Coração”, também da SIC, e se viu obrigado a recusar por se sentir “fraco”. “Aceitei e depois, pensando melhor, tive uma conversa com o produtor e achei melhor voltar atrás. Não me senti com forças para o papel que tinham para mim”, esclareceu, referindo-se à recuperação de uma cirurgia que o próprio tinha feito meses antes.

Já no final de 2019, o ator surpreendeu ao contar que lutou contra um cancro no pulmão durante as gravações de “Amor Maior”, igualmente do canal de Paço de Arcos. “Ninguém sabia, ninguém soube. Aliás, os colegas e a própria imprensa tiveram grande respeito por este momento difícil da minha vida”, lembrou em entrevista a Júlia Pinheiro. Neste momento, diz à NOVA GENTE, “está tudo bem”. “Sou uma pessoa de risco e durante cinco anos tenho de ser acompanhado”, completa, sem querer adiantar mais detalhes.

O caso de Alexandra Lencastre

“Bate Coração” (nome provisório) deveria assinalar a estreia de Alexandra Lencastre na ficção da SIC desde que a atriz foi “roubada” à TVI, no início deste ano. A diva das novelas portugueses ia assumir o papel de protagonista, mas uma alegada guerra com o Diretor-Geral de Entretenimento da Impresa, Daniel Oliveira, levou a uma mudança de planos: Alexandra interpretará apenas um papel secundário. “Ela iniciará a sua participação no projeto ‘Bate Coração’ numa fase posterior da produção, de forma a poder compatibilizar essa participação com os restantes desafios atuais”, disse fonte oficial da SIC.

Para o seu lugar foi chamada Luísa Cruz, que também já estava escalada para a novela, mas para outro papel – que, por sua vez, será entregue a uma terceira atriz.

E se a estrela do elenco deixou de ser Alexandra, a SIC arriscou tudo e contratou a filha da atriz, Margarida Bakker, de 24 anos. Naquele que é o seu primeiro papel numa produção da estação de Paço de Arcos, a também filha de Piet-Hein Bakker – Diretor-geral da SP Televisão, que produz a história, e ex-marido de Alexandra – vai dar vida à personagem que, no presente, ia ser desempenhada pela mãe.

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Arquivo Impala

 

Impala Instagram


RELACIONADOS