Joana Cruz vai ser operada após quimioterapia contra o cancro da mama

Joana Cruz revelou que vai ser submetida a uma cirurgia quando terminar de fazer quimioterapia. A radialista está quase a terminar os tratamentos contra o cancro de mama que lhe foi diagnosticado em janeiro.

Joana Cruz vai ser operada após quimioterapia contra o cancro da mama

Joana Cruz revelou que vai ser submetida a uma cirurgia quando terminar de fazer quimioterapia. A radialista está quase a terminar os tratamentos contra o cancro de mama que lhe foi diagnosticado em janeiro.

Faltam apenas três sessões de quimioterapia para Joana Cruz, a quem foi diagnosticado um cancro de mama, ser submetida a uma cirurgia. A locutora da RFM esteve esta manhã em direto na CMTV e revelou que já fez nove de 12 tratamentos, seguindo-se a operação.

“Vamos devagarinho. Sempre em frente”, disse Joana Cruz, mostrando, mais uma vez, todo o seu otimismo. “Temos de olhar sempre para as coisas boas da vida e quando as más aparecem, nós tentamos transformá-las em boas”, frisou.

Joana Cruz, de 41 anos, foi diagnosticada com cancro da mama em janeiro. Recordou agora como soube da doença e pediu a todas as mulheres para terem cuidado com “ecografias mal feitas”.

«Encontrei uma borbulha interior no peito e fui logo ver o que era», recorda Joana Cruz

“Encontrei uma borbulha interior no peito e fui logo ver o que era. Fui a um sítio que eu não costumava ir. (…) O médico disse-me: ‘Daqui a seis meses volte cá’. Não fiquei descansada, felizmente. E repeti o exame em 15 dias.

“Quando ouço a notícia, ainda houve aquele choque, em que ainda estamos a trocar de roupa e desabei um bocadinho, e logo a seguir pensei: ‘Bora lá”, contoaou, à nova dupla de apresentadores das manhãs da CMTV, Duarte Siopa e Ágata Rodrigues.

Quando esteve no “Dois às 10“, da TVI, também através de videochamada, a locutora explicou a Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz que a quimioterapia não teve, no seu caso, efeitos secundários maiores.

Tive muita gente a perguntar sobre as reações e tudo mais… Eu, às vezes, decido coisas para mim. Quando a covid começou, disse logo ‘não vou apanhar covid’ e disse que não ia ter efeitos secundários e até agora está a acontecer”, confidenciou.

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: DR

 

Impala Instagram


RELACIONADOS