Inês Castel-Branco revela por que mudou para a TVI

Inês Castel-Branco dá a primeira entrevista na TVI a Maria Botelho Moniz, após ter deixado a SIC

Inês Castel-Branco revela por que mudou para a TVI

Inês Castel-Branco revela por que mudou para a TVI

Inês Castel-Branco dá a primeira entrevista na TVI a Maria Botelho Moniz, após ter deixado a SIC

Inês Castel-Branco está de regresso à TVI, 13 anos depois, e foi uma das convidadas do Você na TV!, na manhã desta segunda-feira, dia 17 de agosto. «Nesta idade, mudanças são sempre importantes. É sair um bocadinho da nossa zona de conforto. Ao fim de tantos anos a fazer novelas, faço 20 este ano, para mim é muito importante que a próxima personagem seja completamente diferente de todas as outras que eu já fiz e que a história seja uma boa história. E foi exatamente isso que me convidaram para fazer aqui e estou muito feliz», começa por dizer.

Maria Botelho Moniz abordou o facto de a atriz valorizar muito os atores mais velhos e foi surpreendida: «Foi a primeira pergunta que fiz quando me convidaram para este projeto na TVI. Foi: ‘Quem é que são os mais velhos?’»

«É através da experiência dos outros que nós aprendemos. Seja a representar, sejam os nossos avós. Eles já viveram o que estamos a viver. São eles que têm conselhos sábios para dar», continua a filha de Luísa Castel-Branco.

Sobre o novo papel, a atriz pouco revela: «Posso dizer que é uma história do André Ramalho e que é muito apaixonante.»

A nostalgia pelos amigos que deixa na SIC

Depois de tantos anos na SIC, a artista já sente «alguma nostalgia» porque deixou «muitos amigos na equipa técnica, e especiais», mas sabe que vai «fazer novos» para os lados de Queluz de Baixo.

«Isso é que é difícil… deixar as pessoas», atira a apresentadora, que também trocou a SIC pela TVI em 2020.

«A minha mãe começou a fazer televisão muito tarde, eu já trabalhava»
Durante a conversa, Inês Castel-Branco aproveitou para esclarecer um assunto que a marcou durante vários anos. «Na verdade, poucas pessoas sabem que eu comecei a trabalhar antes da minha mãe. A minha mãe começou a fazer televisão muito tarde, eu já trabalhava. Durante muitos anos fui acusada de trabalhar por cunha, que é sempre muito simpático», frisa.

A atriz sente que já não é nova., mas não encara isso como algo negativo. «Trouxe-me a fala de medo, esta segurança», avança. «Já faço de mãe de adolescentes nas novelas. Já tenho rugas, já sou mais velha», continua.

Filho de 10 anos surpreende atriz com uma carta

No fim, o filho, Simão, de 10 anos, fruto da relação que teve com o artista plástico Filipe Pinto, surpreendeu a mãe com uma carta. Nela escreveu que a atriz é uma «flor», mas que pinta «muitas vezes o cabelo». Algo que não gosta e que o deixa envergonhado sempre que o novo rosto da TVI o vai buscar à escola com o cabelo pintado de outra cor, porque as mães dos amigos não pintam. «’Eu gosto do teu cabelo natural’», diz o menino vezes sem conta a Inês Castel-Branco.

Já no final da entrevista, Inês Castel-Branco elogiou a apresentadora da TVI com uma publicação nas redes sociais.

«Gosto tanto desta mulher. Obrigada Maria pela conversa boa e surpresas. Foi bom regressar contigo e espero que tenhamos sempre desculpas para estarmos juntas», escreveu na legenda de um fotografia onde surgem lado a lado.

Texto: Ivan Silva; Fotos: Instagram

 

Impala Instagram


RELACIONADOS