As revelações surpreendentes de Felicidade Sá sobre o pai

Felicidade Sá esteve na tarde desta quinta-feira, 11 de novembro, à conversa com Manuel Luís Gouca, na TVI. A ex-concorrente do “Big Brother” fez revelações surpreendentes.

As revelações surpreendentes de Felicidade Sá sobre o pai

As revelações surpreendentes de Felicidade Sá sobre o pai

Felicidade Sá esteve na tarde desta quinta-feira, 11 de novembro, à conversa com Manuel Luís Gouca, na TVI. A ex-concorrente do “Big Brother” fez revelações surpreendentes.

Felicidade Sá foi expulsa do “Big Brother” há uma semana. Quando esteve à conversa com Manuel Luís Goucha no programa da tarde do canal de Queluz de Baixo da passada quinta-feira, a ex-concorrente do reality show da TVI fez revelações dramáticas sobre o passado. A mãe de Vânia Sá abriu o coração a Goucha, também ele apresentador do “Big Brother” – ao lado de Cláudio Ramos -, e falou sobre a família, tornando assim público (pela primeira vez) que é filha de pai incógnito.

“Fui ver o seu questionário e vi coisas que me impressionaram. Mas impressionaram mesmo. É filha de mãe solteira e de pai incógnito. Ser filha de pai incógnito, há uns anos, era uma marca terrível para uma criança, porque hoje não é possível. Sofreu com isso?”, questionou o anfitrião do programa.

“Muito. Eu nunca deixei transparecer isso para a minha mãe. Ela dizia que eu era uma criança feliz mesmo não conhecendo o meu pai. Mas eu não dizia era à minha mãe, para não a magoar. Tenho noção que a minha mãe foi uma mulher guerreira, que sozinha, com 19 anos, veio de França grávida, e que foi contra tudo e contra todos. Desde pequenina aprendi que ela era a minha rainha. Por ela eu estava a viver, alguém queria que eu não vivesse, mas ela não ligou a isso”, respondeu Felicidade Sá.

“Alguém sugeriu que ela abortasse?”, perguntou Manuel Luís Goucha. “Sim. Ela estava em França, era uma emigrante daquelas de mala de cartão. Tinha lá um namorado, engravidou e depois ele não queria assumir a relação e a gravidez. Queria que ela abortasse. Ela teve medo, meteu-se no comboio com a roupa do corpo e com o dinheiro para a viagem. Não trouxe nada”, explicou.

A mãe da ex-“Big Brother” regressou a Portugal, para ao pé dos seus pais. “O meu avô era como se fosse um pai. Ele acolheu a minha mãe. Era difícil, vi muitas vezes a minha mãe a chorar”, adiantou.

Em criança, Felicidade foi alvo de chacota por parte dos colegas por não ter pai

Na escola, Felicidade revela ter sofrido por não ter pai. “Faziam pouco de mim. Queria fazer as lembranças do dia do pai e eles diziam: ‘Não precisas de fazer isso, nunca tiveste pai’. Fiz um trabalho lindíssimo, uma lembrança do dia do pai para dar ao meu avô, estava na paragem de autocarros, estava com aquilo na mão e veio um miúdo e puxou-me a prenda. Rasgou aquilo e disse: ‘Para que é que queres isso? Não conheces o teu pai. Fizeste uma prenda para o dia do pai porquê?’. Se eu lhe disser que passei por esse rapaz há meio ano e olhei para ele e conheci-o… Nem ele sabe o mal que me fez.”

Felicidade Sá revela que não desabafava com ninguém e que sempre sofreu sozinha.

Texto: Joana Dantas Rebelo, Fotos: TVI e redes sociais

 

Impala Instagram


RELACIONADOS