Ex-líder da Juve Leo precisa de transplante de medula óssea

Fernando Mendes é um dos 38 arguidos em prisão preventiva no âmbito da invasão à Academia de Alcochete.

Ex-líder da Juve Leo precisa de transplante de medula óssea

Ex-líder da Juve Leo precisa de transplante de medula óssea

Fernando Mendes é um dos 38 arguidos em prisão preventiva no âmbito da invasão à Academia de Alcochete.

Fernando Mendes, ex-líder da Juventude Leonina e preso preventivamente no âmbito do processo da invasão à Academia de Alcochete, precisa de um transplante de medula óssea, anunciou esta quarta-feira, 22 de maio, a claque de apoio ao Sporting.

Numa mensagem publicada na sua página oficial no Facebook, a Juventude Leonina informa que Fernando Mendes «enfrenta um grave problema de saúde» e «precisa de um transplante de medula óssea».

Ex-líder da Juventude Leonina é acusado de estar envolvido na invasão à Academia de Alcochete

Fernando Mendes é um dos 38 arguidos em prisão preventiva, no âmbito da invasão à Academia de Alcochete, em 15 de maio de 2018, quando cerca de 40 elementos encapuzados invadiram o centro de treinos do Sporting e agrediram alguns jogadores e elementos do ‘staff’ dos ‘leões’.

Dos 44 arguidos, cinco continuam em liberdade, incluindo o antigo presidente do Sporting Bruno de Carvalho, e um está em prisão domiciliária.

Invasão à Academia de Alcochete: «Fernando, ajuda-me! Estes gajos estão a bater nos jogadores!»

De acordo com o testemunho de Jorge Jesus na GNR sobre as agressões aos jogadores no balneário da Academia do Sporting, em Alcochete, a equipa foi surpreendida por «20 ou 30 indivíduos a entrar nas instalações».

Testemunhou o treinador dos leões que as primeiras palavras que ouviu foram «Está ali o mister». «Não é ele que a gente quer. Onde estão os jogadores?» Pouco depois das 17h15, de terça-feira, «passou-se tudo demasiado rápido», relatou Jorge Jesus à GNR do Montijo, nessa mesma noite. Depressa se tornou óbvio para o treinador que «algo errado se estava a passar».

«Iam agredir o plantel no interior das cabinas», percebeu, embora não tenha testemunhado «qualquer agressão». Ao percebê-lo, voltou atrás. Foi «dominado e agredido por alguém de cara tapada».

Sem aviso, foi agredido «com um cinto verde na face», depôs à GNR. Jesus tentou defender-se, mas caiu. No chão, outro agressor «aproximou-se e pontapeou-me», testemunha o técnico. Ainda caído no chão, percebeu que «no grupo havia alguém de cara destapada, que conhecia bem». «Fernando Mendes», ex-líder da claque do Sporting Juve Leo, que não foi detido.

«Fernando, ajuda-me, estes gajos estão a bater nos jogadores, ajuda», pediu a Fernando Mendes. «A gente veio aqui para falar, não para bater, só para falar», respondeu o antigo líder da claque envolvida nas agressões, com «tochas, cintos e bastões», testemunhou Jesus.

LEIA MAIS

Sara Carbonero luta contra cancro nos ovários. Saiba os sintomas desta doença

Homem morre esmagado por varanda em Lamego

Impala Instagram


RELACIONADOS