Eunice Muñoz homenageada pela neta com fotos inéditas

Lídia Muñoz, neta de Eunice Muñoz, presta homenagem à consagrada atriz com foto especial, que mostra o filho ao colo da bisavó com apenas meia hora de vida: “Nos nossos braços preferidos”.

Eunice Muñoz homenageada pela neta com fotos inéditas

Lídia Muñoz, neta de Eunice Muñoz, presta homenagem à consagrada atriz com foto especial, que mostra o filho ao colo da bisavó com apenas meia hora de vida: “Nos nossos braços preferidos”.

Lídia Muñoz, neta de Eunice Muñoz, não deixou passar em branco o dia em que o filho completou seis meses. A viver um momento de profunda dor, com a morte da consagrada atriz, Lídia partilhou uma imagem do bebé apenas com meia hora de vida. Amadeo está nos braços da bisavó, que tanto o amava. “Ontem, o Amadeu fez seis meses. Aqui com meia hora de vida nos nossos braços preferidos”, descreveu.

Família impedida de cumprir o último desejo de Eunice Muñoz [vídeo e fotos]
O último desejo de Eunice Muñoz não vai ser cumprido. A atriz, que morreu na sexta-feira, 15 de abril, aos 93 anos, tinha revelado que gostava que as suas cinzas fossem depositadas num poço junto à casa onde cresceu (… continue a ler aqui)

Eunice Muñoz morreu a 15 de abril, aos 93 anos.  Este sábado, dia 23, Lídia Muñoz quebrou o silêncio sobre a partida da dama do teatro para homenagear aquela que foi “mãe, melhor amiga, avó, companheira, alma gémea”. “A Eunice Muñoz é de um país, mas esta Eunice que eu perdi é só minha”, escreveu nas redes sociais, acompanhando este longo texto com várias fotografias e vídeos. “Durante 31 anos, foi a mão que eu agarrei em todas as alturas da minha vida. Formámos uma família e, quando conheci o Tiago, a avó tomou-o como parte dela e disse-lhe ‘parece que nos conhecemos desde sempre’ e aí passámos a três, e há seis meses veio o maior sonho dela – o Amadeo, e somos quatro. Somos quatro, avó, não somos?”, sublinhou.

A neta de Eunice Muñoz fala do grande amor que as duas tinham uma pela outra e que considera inexplicável: “Separavam-nos 62 anos, mas isso nunca nos impediu de darmos as mãos e irmos para onde quiséssemos. Se fizesse uma festa de anos até às tantas no Finalmente [bar em Lisboa conhecido pelos espetáculos de travestis], ela ia com o mesmo entusiasmo com que ficava em casa a ver um filme e a comer as porcarias que tanto gostava. Não nos impediu de nos fazermos felizes. Fomos tão felizes juntas, não fomos, avó?” “Fomos umas privilegiadas de termos tido um amor assim na nossa vida. Todos os dias dizíamos que nos amávamos e mesmo assim acho que não foi suficiente”, disse Lídia, referindo a dor pela morte de Eunice Muñoz: “As noites são tão difíceis. A dor é insuportável avó, não podias ter esperado mais um bocadinho? Eu ainda preciso tanto de ti. Espero que te tenhas encontrado aí com toda a gente que amaste, como tanto querias. O vendaval destes dias foi a festa que aí se fez, não foi?”.

Neta de Eunice Muñoz: “Foi uma honra ser tua”

A atriz afirma ainda que tem esperança de um dia voltar a ver a avó. “Um dia espero voltar a ver-te, mas agora ainda não posso ir ter contigo. Tenho de cuidar do nosso Amadeo, avó. Prometo que lhe vou falar sempre de ti e dizer-lhe o quanto o sonhaste. Prometo que vou tentar ser a melhor mãe para ele como tu foste para mim. Vou-lhe dizer que os últimos cinco meses da tua vida foram mais felizes por causa dele e vou continuar a dizer-lhe que ele e tu serão sempre os dois amores da minha vida”, escreveu.

“Minha avó… Foi uma honra ser tua. Foi uma honra ter ficado com o melhor de ti e ser eu a dar-te os beijos de boa noite e os beijos de bom dia. obrigada por teres sido tudo. Obrigada, meu amor. Amo-te, minha princesa, amo-te para sempre. Obrigada a todos vocês pelo amor que tenho recebido”, escreveu, agradecendo por fim à equipa médica que acompanhou Eunice Muñoz nos últimos tempos de vida: “Um obrigada muito especial à equipa do Santa Cruz que foi incansável até ao final”.

Texto: Ricardina Batista e Patrícia Correia Branco; Fotos: Impala e Reprodução redes sociais    

Impala Instagram


RELACIONADOS