Duarte Siopa «O irmão ajuda-o a subir para os contentores do lixo e ele come dos contentores»

Há 25 anos, Duarte Siopa foi o primeiro português a fazer uma adoção singular. O apresentador acolheu Diogo, um menino de dois anos que vivia na rua

Duarte Siopa «O irmão ajuda-o a subir para os contentores do lixo e ele come dos contentores»

Duarte Siopa «O irmão ajuda-o a subir para os contentores do lixo e ele come dos contentores»

Há 25 anos, Duarte Siopa foi o primeiro português a fazer uma adoção singular. O apresentador acolheu Diogo, um menino de dois anos que vivia na rua

Duarte Siopa trabalhava na RTP como jornalista quando tudo aconteceu. Há 25 anos, o apresentador adotou, sozinho, o pequeno Diogo. «Nós estávamos numa reunião e a nossa assistente perguntou: ‘Alguém pode atender esta chamada?’. Eu vou ao telefone e vejo que é uma senhora muito indignada, porque estão muitos miúdos perto de Lisboa que foram abandonados. A mãe era prostituta, toxicodependente e não queria que os filhos estivesse lá em casa. Não abria a porta aos miúdos», começou por contar no programa de Tânia Ribas de Oliveira, na tarde desta terça-feira, dia 14 de maio.

«Fiquei muito indignado com a situação. Fui lá, pensando que ia fazer uma reportagem, chego lá e não vejo ninguém. Falei com a senhora e com outras pessoas. Há uma senhora que chega ao pé de mim e me conta: ‘Sabe que há uma criança aqui que anda pela mão de outro irmão mais velho. Esse irmão ajuda-o a subir para os contentores do lixo, ele come dos contentores do lixo e, quando apanha as portas dos prédios abertas, dorme no vão das escadas. A criança tem dois anos», explicou.

Veja a notícia completa aqui

Notícia www.novagente.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS