Cristina Ferreira reage à polémica com Rúben e Tatiana: “Não estamos a falar de saudades”

Cristina Ferreira garante que não se trata de “favorecimento” e assegura que o “superior interesse da criança foi a única coisa que norteou a TVI e a Endemol”.

Cristina Ferreira reage à polémica com Rúben e Tatiana: “Não estamos a falar de saudades”

Cristina Ferreira garante que não se trata de “favorecimento” e assegura que o “superior interesse da criança foi a única coisa que norteou a TVI e a Endemol”.

Nos últimos dias o Big Brother tem feito correr muita tinta e não pelos melhores motivos. Muitos dos telespetadores, fãs e até antigos concorrentes do formato sentiram-se defraudados pelo facto de o programa permitir que Tatiana e Rúben Boa Nova comunicassem com o filho, enquanto estão no interior da casa mais vigiada do País. Agora, é Cristina Ferreira que quebra o silêncio e comenta a controvérsia do momento.

Cláudia Vieira faz revelações sobre vida sexual com João Alves
Cláudia Vieira foi apanhada desprevenida com uma questão sobre a sua vida a dois com João Alves, mas não teve papas na língua (… continue a ler aqui)

“O Big Brother é feito de pessoas que têm a coragem de entrar num programa onde serão avaliados pelos seus comportamentos em situações de grande pressão. A partir do momento em que entram ficam à nossa guarda e fazemos de tudo para salvaguardar a sua vida e a de quem lhes é próximo”, começou por escrever numa publicação partilhada no Instagram, para depois entrar “no caso do Rúben e da Tatiana”. Segundo Cristina Ferreira Rúben e Tatiana Boa Nova são “um casal que, por motivos já explicados até numa curva da vida, entraram nesta edição. O superior interesse da criança foi a única coisa que norteou a TVI e a Endemol ao deixar que ouvisse a voz dos pais. Como devem calcular não podemos entrar em pormenores que são privados e não o faremos”, atirou.

“Há quem não perceba, não estamos a falar de saudades”

A apresentadora do formato disse que esta prática já vem desde a estreia do reality show. “Em outras situações ao longo destes 22 anos de BB nunca deixámos de proteger cada um das centenas de concorrentes que já entraram. E não se trata de favorecimento até porque não há qualquer partilha de informação. Trata-se de empatia e humanidade. São pessoas. E não o sabemos fazer de outra forma. As equipas também elas são feitas de pessoas. E felizmente com o coração no sítio certo”, disse, rematando: “Ah, porque há quem não perceba, não estamos a falar de saudades”

Texto: Tiago Miguel Simões; Fotos: Impala

Impala Instagram


RELACIONADOS