Cristina Ferreira compara SIC a um “campo de batalha”

Confissões bombásticas! Cristina Ferreira falou sobre a saída da SIC para assumir o cargo de diretora de Entretenimento e Ficção da TVI durante entrevista com Manuel Luís Goucha e explicou os motivos que a levaram a voltar para à estação de Queluz de Baixo.

Cristina Ferreira compara SIC a um “campo de batalha”

Cristina Ferreira compara SIC a um “campo de batalha”

Confissões bombásticas! Cristina Ferreira falou sobre a saída da SIC para assumir o cargo de diretora de Entretenimento e Ficção da TVI durante entrevista com Manuel Luís Goucha e explicou os motivos que a levaram a voltar para à estação de Queluz de Baixo.

Cristina Ferreira e Manuel Luís Goucha sentaram-se frente a frente no programa das tardes da TVI e o percurso televisivo da apresentadora foi um dos temas abordados. A convidada explicou os motivos da saída da SIC para a estação de Queluz de Baixo, tendo sentido que o tempo em que esteve no canal três foi encarado como um “campo de batalha”. 

A apresentadora admite que durante a altura em que esteve na SIC –  de 7 de janeiro de 2019 e 17 de julho de 2020 – fez parte de um “programa tão extraordinário”, isto é, o extinto “Programa da Cristina”. Contudo, a troca de canal surgiu como uma ‘bomba’ para tudo e todos, cujo objetivo resultou no cargo de diretora de Entretenimento e Ficção, assumido a 1 de setembro de 2020 até aos dias de hoje. “Eu mudo duas vezes, supostamente as pessoas achavam que eu estava muito bem. Saí da TVI e as pessoas não perceberam porquê. E depois não perceberam como é que eu estava a fazer um programa tão extraordinário, como é que abri aquela porta todos os dias com tanta felicidade e depois [saí]”. “E depois surge o convite e tenho a perceção que já tinha feito tudo ali [na SIC]”, esclareceu. 

Veja a notícia completa aqui

Notícia www.novagente.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS