Caso Mayorga | Juiz impede Cristiano Ronaldo de usar documentos pirateados

Cristiano Ronaldo tem sido protagonista de um caso sem fim com Kathryn Mayorga. Porém, a defesa do jogador alcançou uma vitória em tribunal ao proibir que a modelo utilizasse determinados documentos contra o jogador.

Caso Mayorga | Juiz impede Cristiano Ronaldo de usar documentos pirateados

Cristiano Ronaldo tem sido protagonista de um caso sem fim com Kathryn Mayorga. Porém, a defesa do jogador alcançou uma vitória em tribunal ao proibir que a modelo utilizasse determinados documentos contra o jogador.

Cristiano Ronaldo tem sido protagonista de um caso sem fim com Kathryn Mayorga. Porém, a defesa do jogador alcançou uma vitória em tribunal ao proibir que a modelo utilizasse determinados documentos, com proveniência duvidosa, contra o jogador.

LEIA DEPOIS
Meteorologia: Previsão do tempo para esta quinta-feira, 6 de fevereiro

A TVI teve acesso a um despacho de nove páginas do Tribunal de Nevada, com data da passada terça-feira, dia 4 de fevereiro. De acordo com a publicação o juiz norte americano aceitou travar o uso de documentos pirateados como prova contra o internacional português.

Cristiano Ronaldo alerta ter sido vítima de um ataque informático

A TVI avança que Kathryn Mayorga terá usado, numa das alegações, conteúdo de correspondência confidencial entre Cristiano Ronaldo e os advogados. Por sua vez, o craque português alega que estes documentos vieram de um ataque informático de que foi vítima. Mais especificamente, a defesa da modelo terá apresentado e-mails trocados entre o jogador e a defesa do próprio.

As provas obtidas de forma ilícita, conseguidas por hackers, especialistas em ataques informáticos, estão na ordem do dia em Portugal e no mundo. O nome de Rui Pinto é um dos mais falados no que toca a este crime.

Jogador impediu filho de ver as notícias sobre Mayorga

O caso Mayorga abalou Cristiano Ronaldo e a sua vida profissional e pessoal de formas que nem ele mesmo esperava. Depois de ter falado à TVI, o internacional português deu uma entrevista ao programa Good Morning Britain, em setembro, onde recordou a forma como a queixa por violação o afetou.

«Brincar com a dignidade é muito difícil. Existe uma namorada, família, filhos e quando brincam com a nossa dignidade é muito duro», começou por dizer Cristiano Ronaldo, recordando um momento que certamente nunca irá esquecer.

«Lembro-me de um dia estar em casa, na sala, com a minha namorada e a ver as notícias na televisão e falavam ‘o Cristiano isto, o Cristiano aquilo’. De repente, ouvi os meus filhos a descerem as escadas e mudei de canal. Senti-me envergonhado. Eu mudei de canal para o Cristianinho não ver as coisas más que diziam do pai sobre um caso horrível. Honestamente, Isso fez-me sentir muito mal», assumiu.

Texto: Mariana de Almeida

LEIA MAIS
Bolsonaro apoia abstinência sexual juvenil: «Não quero a minha filha grávida aos 10 anos»

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS