Claudisabel teve “morte violenta”. Carro foi projetado 100 metros

Claudisabel morreu esta segunda-feira, na A2. E o cenário encontrado “perturbou até os operacionais destacados para o socorro às vítimas”.

Claudisabel teve

Claudisabel teve “morte violenta”. Carro foi projetado 100 metros

Claudisabel morreu esta segunda-feira, na A2. E o cenário encontrado “perturbou até os operacionais destacados para o socorro às vítimas”.

Claudisabel, que sofreu um violento e aparatoso acidente na madrugada de segunda-feira (19), teve uma morte violenta. Fonte dos bombeiros disse à TVI que se tratou “de uma morte violenta” e que “já pouco ou nada havia a fazer pela vida da cantora” quando os operacionais chegaram ao local. As manobras de reanimação revelaram-se insuficientes e o óbito foi declarado no local.

Cláudia Isabel sofreu o acidente pouco depois da uma da manhã ao quilómetro 85 na A2 (sentido Norte Sul), quando regressava a casa depois de ter atuado no Camião do ‘Domingão’ em Castanheira de Pêra. As operações de socorro mobilizaram 12 veículos e 24 operacionais, dos Bombeiros de Alcácer do Sal, Viatura médica de Emergência e Reanimação do Hospital do Litoral Alentejano, Brisa e GNR.

Veja a notícia completa aqui

Notícia www.novagente.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS