Cláudia Vieira, grávida de cinco meses, atriz assume: «Até me esqueço que estou grávida»

De vestido rosa e sorriso no rosto, Cláudia Vieira deslumbra na Gala Troféus Impala de Televisão e fala sobre a gravidez

Cláudia Vieira, grávida de cinco meses, atriz assume: «Até me esqueço que estou grávida»

De vestido rosa e sorriso no rosto, Cláudia Vieira deslumbra na Gala Troféus Impala de Televisão e fala sobre a gravidez

Cláudia Vieira chegou e conquistou as atenções dos presentes na Gala Troféus Impala de Televisão 2019. De vestido rosa assinado por Luís Carvalho, a atriz deslumbrou e não conteve a felicidade que sente nesta segunda gravidez.

A vencedora do troféu de Melhor Atriz Principal, pelo desempenho na novela da SIC, Alma e Coração, revela que está a viver uma gravidez tranquila. Tão tranquila que «até se esquece».

«Confesso que me tenho sentido tão bem e tão tranquila que, por vezes, até me esqueço que estou grávida. Mas agora não dá para esquecer, porque a barriga já começa a ganhar algum volume, então não dá para esquecer», conta, de sorriso no rosto.

«Não dramatizamos nada»

Há dez anos, Cláudia Vieira estava grávida de Maria. Agora, prepara-se para dar à luz a pequena Caetana, fruto da relação com João Alves. «As grandes diferenças [entre as duas gravidezes] são, por exemplo, a maior consciência do movimento do bebé e uma descontração muito grande. Eu sempre fui muito descontraída na minha forma de estar e de ser, mas realmente é uma diferença abismal quando se está grávida pela segunda vez. Não dramatizamos nada», revela.

«Sabemos os vários percursos a nível de semanas, a formação do bebé, o que é que está a acontecer e por aí fora. Há uma sabedoria e uma descontração assustadora às vezes. Se não for uma grávida que passe mal com indisposições, com o calor, quase que nos esquecemos», explica a atriz.

«A Maria será uma ‘mãezona’»

A quatro meses de conhecer a segunda filha, Cláudia considera que, apesar dos riscos de uma gravidez aos 40 anos, está mais calma e que a filha mais velha será uma grande ajuda.

«São dez anos de diferença. Uma gravidez aos 30 anos não é igual a uma gravidez aos 40, mas está a ser muito tranquila. Está tudo a correr muito bem», continua.

«Eu tenho algumas amigas que foram mães há relativamente pouco tempo e temos estado com vários bebés. A minha filha tem um instinto maternal muito grande e muito apurado. Não tenho qualquer dúvida de que a Maria será uma ‘mãezona’ para esta mana», desvenda, orgulhosa.

Cláudia Vieira é a Melhor Atriz Principal

Sobre o trabalho que a levou a vencer o troféu de Melhor Atriz Principal, Cláudia Vieira afirma: «Foi uma personagem arriscada Q.B. Eu posso dizer que, em televisão, foi sem dúvida a personagem mais desafiante que tive e a que me exigiu ter uma formação e uma aprendizagem numa área que não me dizia nada. O trapézio, os tecidos e por aí fora… Foi um ano de muito trabalho».

Texto: Redação WIN – Conteúdos Digitais; Fotos: Impala e reprodução Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS