Alexandra Lencastre sobre Pedro Lima: «Tinha um controlo enormíssimo»

Amiga de longa data de Pedro Lima, Alexandra Lencastre recorda o falecido ator n’O Programa da Cristina.

Alexandra Lencastre sobre Pedro Lima: «Tinha um controlo enormíssimo»

Amiga de longa data de Pedro Lima, Alexandra Lencastre recorda o falecido ator n’O Programa da Cristina.

Pedro Lima foi encontrado morto este sábado, dia 20 de junho, na praia do Abano, em Cascais. Cristina Ferreira dedicou o programa desta segunda-feira ao ator da TVI e contou com a presença de Alexandra Lencastre, amiga de longa data.

LEIA DEPOIS
Pedro Lima e as primeiras e emotivas palavras da mulher, Anna Westerlund

A atriz, que contracenou inúmeras vezes com Pedro Lima nas novelas da TVI, mostra-se perplexa com a morte e recorda com emoção o amigo. «Fizémos varias vezes de casal e na última novela tivemos muito tempo para conversar, porque ele investiu muito na carreira de ator. Começou a fazer mais teatro e workshops em Espanha, isso fê-lo ir mais fundo, às suas emoções, a trazer ao de cima coisas que secalhar ele tinha guardado», começa por dizer.

«O Pedro não era aquele pai “delidoce” (…) envolvia-se em tudo»

Alexandra vai, para sempre, lembrar-se de Pedro pela boa disposição e energia positiva, confessando que, tal como Cristina Ferreira, nunca o viu triste. «Tinha uma capacidade e um controlo enormíssimo e acho que isso tem a ver com a educação dele, com o cuidado com os outros, a preocupação com os outros de não os fazer sofrer, de não os preocupar», afirma. A artista fala, ainda, da forte ligação que o ator tinha com os cinco filhos: «o Pedro não era aquele pai “delidoce” (…) envolvia-se em tudo».

Reforçou que nunca, em nenhum momento, sentiu que estivesse com energia negativa: «Ia apanhar umas ondas e depois vinha gravar com uma energia e cada vez se entregava mais». «Adorava trabalhar com ele, mesmo em dias em que ele dizia “hoje estou assim um bocado para o coiso” e a seguir dava dava logo uma gargalhada», diz.

«Acredito na edição suicida»

Quanto à hipótese, ainda não confirmada, de ter sido um suícido, Alexandra considera que o amigo não estava num «estado depressivo» e acredita que possa ter sido uma «edição suicída». «Acredito na edição suicida, que tenha sido esse impulso face a qualquer coisa que nós não sabemos exatamente o que é . Isso a Ana [a companheira] saberá decerteza», comenta.

Para a convidada de Cristina Ferreira, Pedro Lima não apresentava qualquer sintom, antes pelo contrário. «Fazia desporto, era saudável, comia bem, gostava de uma boa festa, fazia festas em casa. Puxava aquela familia, construiu casas com a familia. Era um exemplo, um excelente exemplo, como pessoa, como pai, como marido, como homem».

Texto: Inês Borges; Fotos: Reprodução Instagram

LEIA MAIS
Despiste de ambulância em Amarante faz duas vítimas mortais
Meteorologia: Previsão do tempo para terça-feira, 23 de junho

1 – Aceda a www.lojadasrevistas.pt

2 – Escolha a sua revista

3 – Clique em COMPRAR ou ASSINAR

4 – Clique no ícone do carrinho de compras e depois em FINALIZAR COMPRA

5 – Introduza os seus dados e escolha o método de pagamento

6 – Pode pagar através de transferência bancária ou através de MB Way!

E está finalizado o processo! Continue connosco. Nós continuamos consigo.

 

Impala Instagram


RELACIONADOS