Alexandra Lencastre enganada em milhares de euros pelo ex-namorado

Alexandra Lencastre terá sido enganada pelo ex-namorado. A atriz terá emprestado milhares de euros a Nuno Fernandes, com quem manteve uma relação até há cerca de três meses.

Alexandra Lencastre enganada em milhares de euros pelo ex-namorado

Alexandra Lencastre enganada em milhares de euros pelo ex-namorado

Alexandra Lencastre terá sido enganada pelo ex-namorado. A atriz terá emprestado milhares de euros a Nuno Fernandes, com quem manteve uma relação até há cerca de três meses.

Alexandra Lencastre estará a viver momentos menos positivos. A atriz, de 56 anos, terá sido enganada por Nuno Fernandes, com quem manteve uma relação amorosa de mais de um ano e até há cerca de três meses. A estrela da SIC emprestou milhares de euros ao agora ex-namorado, que nunca os terá devolvido, de acordo com a edição impressa da revista TV Mais.

Para ler depois
Filhas de Jorge Mendes dão nas vistas… e que vistas
As duas filhas mais velhas de Jorge Mendes são verdadeiras beldades. Marisa e Catarina sabem disso e não escondem os seus corpos bem esculpidos, arrancando suspiros (… continue a ler aqui)

“Esse dinheiro era das poupanças dela. Quem a conhece bem sabe que vive preocupada com o futuro das filhas e faz poupanças para poder ajudá-las”, avança essa revista, que cita uma amiga de Alexandra. Nuno Fernandes “andava sempre com a carteira recheada quando se juntava nas petiscadas com os amigos”. E teria, inclusive, “um cartão multibanco da Alexandra, conduzia um carro dela e tinha as chaves da casa dela, em Lisboa”.

Terá sido “o dinheiro”, de resto, que “motivou a separação” do casal. “A relação tornou-se insustentável. A ‘Alex’ começou a fazer contas e percebeu algumas coisas. Perdeu a confiança no Nuno e sente-se enganada por ele. Os primeiros meses do namoro foram bons, mas os sucessivos pedidos de dinheiro dele foram fazendo mossa na relação. Por isso, o amor tinha esmorecido”, aponta aquela revista.

Apesar de a mesma publicação falar em valores a rondar os cem mil euros, fonte próxima de Alexandra Lencastre garante que estes “não correspondem à verdade”. “São milhares de euros, mas não esses. Isso não corresponde à verdade.”

Alexandra Lencastre sente-se “muito abatida”

A atriz está, agora, “muito abatida”. “Desesperada e fragilizada. Afinal, sente-se enganada por um homem com quem esteve algum tempo e por quem estava bastante apaixonada”, assegura a revista. O ex-namorado de Alexandra Lencastre já esteve preso, como a Nova Gente noticiou em tempos. O caso remonta a 2011 e envolveu um assalto à mão armada, do qual o empresário chegou a ser dado como ‘mentor’. Entre a prisão preventiva e a condenação, Nuno Fernandes passou cerca de um ano atrás das grades, no Estabelecimento Prisional de Lisboa (EPL).

Em 18 de março de 2011, numa rua do bairro de Alvalade, em Lisboa – e de acordo com o relatório dos inspetores da Polícia Judiciária (PJ) –, um homem e a sua neta, de apenas sete anos, saíam do carro para entrarem em casa quando foram surpreendidos por dois homens “de pistola em punho”. Terão sido os gritos da menina e a resistência do avô que assustaram os criminosos, que travaram o pior, descreve a Sábado. Os assaltantes acabaram por levar 300 euros e por fugir num carro, conduzido pelo agora ex-namorado de Alexandra Lencastre, que, mais tarde, a ser dado como “arquiteto do crime”.

Nuno Fernandes é, de resto, filho do dono de uma mercearia na Avenida de Roma, situada “bem perto” da ourivesaria de que a vítima era proprietária, e conhecia as pessoas da zona – as suas movimentações e os seus hábitos diários. “O Nuno é dali desde pequenino”, contou uma fonte àquela publicação.

Condenado “por roubo agravado e posse de arma proibida”

Foram os relatos das testemunhas oculares e o mapa de utilização do táxi usado nesse assalto que levaram a PJ a chegar ao ex-namorado de Alexandra Lencastre. Numa primeira instância, este disse que estava apenas a conduzir os amigos e que não fazia ideia do que eles tinham feito. Em agosto de 2011, Nuno Fernandes e os restantes envolvidos foram acusados e condenados por roubo agravado e posse de arma proibida.

Ao longo do processo, e depois da prisão preventiva e da prisão domiciliária, o empresário esteve detido no EPL. Foi-lhe concedida liberdade condicional em novembro de 2014. “Talvez seja das poucas pessoas a quem a cadeia teve efeito positivo, já que, depois disso, nunca mais houve notícia de que se tenha envolvido em confusões”, diz um amigo de Nuno Fernandes à Sábado.

“Toda a gente tem direito a uma segunda oportunidade”

Sobre este assunto, Alexandra Lencastre preferiu, na altura em que o namoro foi tornado público, remeter-se ao silêncio. “Sem prejuízo do respeito que merece o trabalho jornalístico em geral, os julgamentos foram feitos na altura e em sede própria e o Nuno Fernandes cumpriu com aquilo que tinha a pagar à sociedade”, leu-se, em comunicado enviado à Imprensa pela agência que representa a atriz.

“A Alexandra Lencastre não se manifestará sobre este assunto publicamente, a não ser através deste comunicado, por entender que tem direito a manter a sua intimidade resguardada. E por ter aprendido, ao longo da vida, que toda a gente tem direito a uma segunda oportunidade a partir do momento em que prove merecê-la”, dizia o mesmo.

Nuno Fernandes “não é nem pretende ser figura pública, pelo que a sua vida deverá continuar na esfera privada”. “A Alexandra tem tido, ao longo da sua vasta carreira, um respeito muito grande pelo público e pelas entidades com quem tem trabalhado. Assim como um comportamento perante a sociedade sem qualquer mácula”, terminava.

Texto: Ana Filipe Silveira;
Foto: Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS