Shakira acusa Piqué de traição mas também terá traído ex-companheiro

O mais recente tema de Shakira sobre o tumultuoso fim de casamento com Piqué é um sucesso e até a mãe do jogador gostou e mostrou a apoio à cantora. Mas houve quem recordasse o início da relação entre a colombiana e o ex-futebolista…

Shakira acusa Piqué de traição mas também terá traído ex-companheiro

O mais recente tema de Shakira sobre o tumultuoso fim de casamento com Piqué é um sucesso e até a mãe do jogador gostou e mostrou a apoio à cantora. Mas houve quem recordasse o início da relação entre a colombiana e o ex-futebolista…

Shakira descobriu a traição de Piqué com Clara Chia Martí, a amante e atual namorada que o ex-jogador levava para casa quando a cantora colombiana se ausentava com os filhos. Os vídeos que provam a infidelidade do antigo jogador com a jovem de 23 anos chegaram aos olhos de Shakira e do público. A diva da música latina ficou “devastada”, como afirmam fontes próximas. E dessa tristeza toda resultou o single Music Session #53. O tema é, nada mais, nada menos, que a mágoa e desabafo da latina escarrapachados, em alto e bom som, sobre tudo o que aconteceu. E Shakira não foi meiga com o ex e a atual namorada deste.

Os dois conheceram-se em novembro de 2021, no bar La Traviesa, em Barcelona, onde a jovem trabalhava como empregada de mesa. A atração terá sido imediata e a relação evoluiu rapidamente. Em março de 2022, a colombiana e o craque separaram-se, mas só em junho do mesmo ano anunciaram o fim do casamento. Entretanto, Clara deixou o trabalho no bar e foi contratada pela empresa do jogador, a Kosmos.

Voltando à música, a cantora começa por dizer que já está noutra e esqueceu o ex-companheiro com quem manteve uma relação durante 12 anos e teve dois filhos, Milan de 9 anos e Sasha de 7. Acusa o ex-jogador do Barcelona de não a apoiar quando mais precisou – referindo-se ao período em que foi apanhada pelo fisco e que, também, coincidiu com a doença do pai. Shakira canta repetidamente “não vou voltar para ti” e faz um trocadilho com o nome de Piqué – “lamento se te sal-pique”, insinuando que aquilo que canta vai afetá-lo. Afirma ainda que ele é o responsável pela dívida às finanças.

A cantora colombiana também faz um trocadilho com o nome de Clara, a quem chama de substituta. E entra numa ronda de comparações entre si própria e a jovem de 23 anos. Shakira diz-se um Ferrari, um carro potente e caro, e que Clara Chía é um Renault Twingo, mais modesto e barato. Na mesma lógica, diz ser um Rolex, uma marca de luxo de relógios e Clara um relógio Casio, uma marca mais acessível. Deixamos a letra da música, traduzida para português, no fim do texto.

Piqué responde e diz que Casio “é para toda a vida”

A cantora colombiana lançou esta quinta-feira, 12 de janeiro, Music Session #53. E, no dia seguinteGerard Piqué anunciou uma parceria com a marca de relógios Casio – na nova música, Shakira diz que o ex-jogador trocou um “Rolex por um Casio”.

O craque não quis deixar a ex-mulher sem resposta. Vai daí, escolheu precisamente essa marca de relógios para ser patrocinadora da King’s League, uma competição de futebol organizada pela sua empresa, a Kosmos. Além disso, num direto na plataforma Twitch, ofereceu um relógio Casio a todos os convidados da liga e anunciou: “este relógio é para toda a vida”. Ainda no mesmo direto, Piqué volta a brincar com música da colombiana e usa a palavra “salpique”, o trocadilho com o seu próprio nome que se pode ouvir no tema. Veja os vídeos.

Shakira celebra sucesso da música e fala em “catarse”

Shakira e o rapper argentino Bizarrap alcançaram mais de 100 milhões de visualizações no YouTube, em apenas 48 horas com Music Session #53. Em menos de 24 horas, a música alcançou quase 34 milhões de visualizações. Além disso, a música tem milhares de visualizações nas redes sociais. E os números não param de crescer. A artista colombiana manifestou-se, no Instagram e Twitter, sobre o sucesso do single, que assumiu ser uma “catarse e um desabafo”. “O que para mim era uma catarse e um desabafo nunca pensei chegar direto ao número um do mundo aos meus 45 anos e em espanhol”, começou por dizer.

“Quero abraçar as milhões de mulheres que se revoltam perante as que nos fazem sentir insignificantes. Mulheres que defendem o que sentem e pensam, e levantam a mão quando discordam, mesmo que outras levantem as sobrancelhas. Elas são a minha inspiração”, pode ler-se. No final, Shakira sublinhou: “Esta conquista não é minha, é de todas. Temos de nos levantar 70 vezes 7. Não como nos ordena a sociedade, mas da maneira que nos ocorrer, aquela que nos sirva para seguirmos em frente pelos nossos filhos, pelos nossos pais e pelos que precisam de nós e esperam.”

Mãe de Piqué gosta da música

Na música, Shakira canta: “Deixaste-me como vizinha da minha sogra, com a imprensa à porta e a dívida às Finanças”. E o que fez a mãe de Piqué, perante todo este escândalo? Ainda que a imprensa espanhola avance que os pais do ex-jogador já convivam com Clara Chía, a sra. Montserrat mostrou o seu apoio à nora nas redes sociais. A progenitora do craque deu a entender que não gostou do comportamento do filho e deixou implícito que é fã do novo tema da artista colombiana.

Shakira traiu ex-companheiro com Piqué

Shakira namorou com Antonio de la Rúa durante 11 anos. A relação acabou em agosto de 2010 e a separação foi tornada pública em janeiro de 2011. Na altura, surgiram rumores de que a cantora colombiana teria traído o empresário com Gerard Piqué. Foram rapidamente desmentidos. No entanto, e passados vários anos, a artista decai-se e dá provas dessa traição. Em 2018, Shakira faz uma declaração de amor ao futebolista, nas redes sociais, onde escreve: “Amor, acaba de terminar uma etapa que sempre guardaremos no coração (…) Um dos momentos mais felizes da minha vida foi, também, ver-te ganhar com a seleção e celebrar com a Espanha”, em referência ao Mundial de Futebol, que aconteceu entre junho e julho de 2010. Mas a relação da cantora com Antonio de la Rúa só acabou em agosto de 2010.

A letra de Music Session #53

“Desculpa, já apanhei outro avião
Eu não vou voltar aqui, não quero outra desilusão.
Tanto que finges ser um campeão
E quando precisei de ti, deste a tua pior versão
Desculpa, bebé, já lá vai algum tempo
Que devia ter atirado aquele gato fora
Uma loba como eu não é para os novatos”

“Uma loba como eu não é para tipos como tu, uh-uh-uh-uh-uh-uh
Não estou apto para tipos como tu, uh-uh-uh-uh-uh-uh
Eu superei-te e é por isso que estás com uma rapariga como tu, uh-uh-uh-uh-uh-uh
Oh-oh, oh-oh”

“Isto é para mortificar, mastigar e engolir, engolir e mastigar, engolir e mastigar.
Não vou voltar para ti, não vou voltar para ti, não vou voltar para ti, não vou voltar para ti, não vou voltar para ti, não vou voltar para ti
Compreendi que a culpa não é minha quе te critiquem
Eu só faço música, lamento se te sal-pique
Deixaste-me como vizinha da minha sogra
Com a imprensa à porta e a dívida às Finanças
Pensaste que me tinhas magoado e tornaste-me mais dura
As mulheres já não choram, as mulheres faturam”

“Tem nome de pessoa boa
Claramente não és como sonha
Tem nome de pessoa boa
Claramente”.

“Do amor ao ódio é um passo
Não voltes por aqui, ouve-me
Sem ressentimentos, bebé, desejo-te felicidades com a minha suposta substituta
Eu nem sequer sei o que te aconteceu
Estás tão esquisito que nem te consigo distinguir
Eu valho por dois de 22
Trocaste um Ferrari por um Twingo
Trocaste um Rolex por um Casio
Vais depressa, abranda
Ah, muito ginásio
Mas trabalha o cérebro um pouquinho também
Fotos por onde sou vista
Aqui sinto-me como uma refém, por mim está tudo bem
Eu desocupo-te amanhã e se quiseres trazê-la, que venha também”

Texto: Inês Neves;
Fotos: reprodução redes sociais

Impala Instagram


RELACIONADOS