Noiva paralisada recusa que cancro a impeça de caminhar até ao altar

Exemplo de força e determinação que está a emocionar o mundo. Emily McDermott é uma noiva paralisada de apenas 23 anos que luta para voltar a andar por causa de um cancro.

Noiva paralisada recusa que cancro a impeça de caminhar até ao altar

Exemplo de força e determinação que está a emocionar o mundo. Emily McDermott é uma noiva paralisada de apenas 23 anos que luta para voltar a andar por causa de um cancro.

«Não vou deixar que o cancro me impeça de caminhar até ao altar.» A frase é de Emily McDermott, jovem galesa de apenas 23 anos que um dia acordou paralisada da cintura para baixo. Após ter sido submetida a uma ressonância magnética de emergência, Emily viu ser-lhe diagnosticado um grande tumor na base da coluna. E a confirmação de que era cancro, um linfoma de Hodgkin. Mas esta noiva paralisada não desiste.

LEIA DEPOIS
«Tocava nas ruas aos 14 anos e ganhava uma sanduíche» – a vida de pobre de Pedro Abrunhosa

Noiva paralisada recusa-se a que o cancro na base da coluna a vença

Seguiu-se um tratamento intenso. Cinco sessões de radioterapia e mais 12 de quimioterapia. Emily não se rendeu à doença e deu início a sessões intensas de fisioterapia. Com o objetivo de voltar a usar as pernas e para conseguir caminhar até ao altar no dia do casamento. O esforço e dedicação da noiva compensaram e Emily voltou a andar sem ajuda. Emily McDermott explica ainda que o planeamento do casamento com Olly Hughes, que irá decorrer neste verão, foi aquilo que mais a motivou durante o tempo em que lutou contra o cancro. A história desta jovem noiva está a emocionar o mundo.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para domingo
Corpo de Vincent Lambert já foi entregue à família
Pelo menos 26 mortos e 56 feridos em ataque a hotel

Impala Instagram


RELACIONADOS