Julen Lopetegui regressa para os braços da família mais cedo (vídeo)

Despedido da Seleção Espanhola em pleno Mundial, Julen Lopetegui tem sido falado na imprensa mundial por causa do Real Madrid.

Julen Lopetegui, de 51 anos, é o homem do momento. A poucas horas do jogo entre as Seleções de Portugal e Espanha, no Mundial da Rússia, o basco deixou o comando técnico espanhol, uma vez que é o novo treinador do Real Madrid, equipa onde (ainda) joga Cristiano Ronaldo.

Nasceu a 28 de agosto de 1966 em Asteasu, que pertence à província de Guipúzcoa, comunidade autónoma do País Basco, Espanha.

LEIA AINDA: O forcado que é guarda-costas de Cristiano Ronaldo

Pai de três filhos e casado com Rosa Maqueda. A mulher é irmã de um ex-jogador da equipa da capital espanhola que era colega de Julen, enquanto este também jogava no clube «merengue». Foi Juan Maqueda que os apresentou e o casal não se largou mais.

Família de força

Lopetegui é descendente de uma das gerações mais conhecidas do País Basco, no que toca ao levantamento de pedras.

O tio Luis e o pai, José Antonio Lopetegui, eram levantadores de pedras e conhecidos como «Agerre I» e «Agerre II», devido à fazenda da família chamada «Agerreondo».

O levantamento de pedras

Este desporto ‘rural’ é típico da região onde nasceu o profissional do futebol. Com apenas 18 anos, José Lopetegui levantou uma pedra com 100 kg.

De jogador a treinador

Enquanto jogador, era guarda-redes e disputou 149 jogos na primeira divisão espanhola, durante 11 temporadas. Defendeu as cores do Real Madrid, Logroñés, Barcelona e Rayo Vallecano. Participou ainda em 168 jogos da segunda divisão. Pela Seleção de Espanha, realizou apenas um jogo, em 1994.

Pendurou as luvas em 2002 e em 2003 começou a ser quem ditava a tática.

O mister é conhecido do público português, uma vez que treinou recentemente o FC Porto, entre maio de 2014 e janeiro 2016. Supostamente, o contrato seria de três anos, mas devido a maus resultados e à constante contestação dos adeptos portistas, foi despedido.

No entanto, foi determinante na contratação de Iker Casillas, considerado durante vários anos como um dos melhores guarda-redes do mundo, para o clube da cidade invicta.

LEIA TAMBÉM: Casillas brinca com a mulher e é criticado

Seis meses mais tarde, era contratado para liderar a Seleção espanhola… até agora, que ruma novamente a um clube onde foi feliz: o Real Madrid, substituindo Zinédine Zidane, de 45 anos, no comando da equipa. Esta troca tem gerado polémica em Espanha, até porque tinha renovado o contrato até 2020, em maio deste ano.

Despedida surpresa

A poucas horas de sobrevoar a Europa com a comitiva espanhola em direção à Rússia, o então selecionador foi surpreeendido pela família no aeroporto, com uma despedida emotiva.

Veja aqui o momento

Sem que nada o fizesse prever, o treinador voltará mais cedo para os braços da família, devido ao despedimento da equipa nacional espanhola.

Fotos: D.R.

 


RELACIONADOS

Julen Lopetegui regressa para os braços da família mais cedo (vídeo)

Despedido da Seleção Espanhola em pleno Mundial, Julen Lopetegui tem sido falado na imprensa mundial por causa do Real Madrid.