Jenette McCurdy revela palavras da mãe abusiva: “Não és nada mais do que uma p***”

Jenette McCurdy, atriz que ficou famosa com a série iCarly, sofreu em silêncio durante anos ao lado da mãe. “És um monstro horrível”.

Jenette McCurdy revela palavras da mãe abusiva: “Não és nada mais do que uma p***”

Jenette McCurdy, atriz que ficou famosa com a série iCarly, sofreu em silêncio durante anos ao lado da mãe. “És um monstro horrível”.

Jenette McCurdy esteve à conversa com Jada Pinkett Smith, Willow Smith e Adrienne Banfiel no mais recente episódio de Red Table Talk e tudo girou em torno da promoção do livro de memórias I’m Glad My Mom Died (Estou Feliz que a minha Mãe Tenha Morrido, em português). A antiga estrela da série iCarly aproveitou o momento para recordar os anos de sofrimento em silêncio ao lado da progenitora, que morreu de cancro em 2013.

Jennette McCurdy lança livro polémico: “Estou Feliz que a Minha Mãe Morreu”
Jennette McCurdy, antiga estrela de programa infantil de sucesso, lança obra polémica em que dá a conhecer a forma como a mãe a obrigou a ser uma atriz famosa (… continue a ler aqui)

Um dos momentos mais marcantes foi quando Jenette McCurdy leu um email que a mãe lhe enviou depois de ter visto uma foto da filha no site TMZ. “Estou tão decepcionada contigo. Tu costumavas ser o meu anjinho perfeito, mas agora não és nada mais que uma p***, galdéria, toda usada. E pensar que te desperdiçaste com um ogre horrível. Eu vi as fotografias num site chamado TMZ. Vi-te a esfregar a barriga nojenta e peluda dele. Eu sabia que estavas a mentir sobre o Colton [atriz tinha dito que estava com um amigo]. Adiciona isso a uma lista de coisas que tu és: mentirosa, conivente, malvada”, recorda.

“Pensar no ‘ding-dong’ [referência a pénis] dele dentro de ti deixa-me doente”

E as ofensas da mãe não ficaram por aqui. “Pareces mais rechonchuda também. Claro que estás a comer a tua culpa. Pensar no ‘ding-dong’ [referência a pénis] dele dentro de ti deixa-me doente. Doente! Eu criei-te melhor do que isso. O que aconteceu com a minha boa menina? Para onde é que ela foi e quem é este monstro que a substituiu? És um monstro horrível. Eu contei aos teus irmãos sobre ti e todos eles disseram que te repudiam assim como eu. Não queremos ter nada a ver contigo. Com amor, mãe – ou devo dizer Deb, já que não sou mais a tua mãe?”, prossegue. Por fim, a mãe de Jenette termina com um pedido peculiar, tendo em conta o contexto da mensagem. “P.S – Envia dinheiro para um frigorífico novo, o nosso avariou”.

Apesar das duras palavras da mãe, Jenette McCurdy revelou recentemente à People que mantém um boa relação com os irmãos. “Eu não sabia como encontrar a minha identidade sem a minha mãe. E não vou mentir, foi muito difícil chegar aqui. Mas agora estou numa fase da minha vida que nunca pensei que fosse possível. E finalmente sinto-me livre”, disse. Na obra são ainda abordados temas como distúrbios alimentares com os quais lidou.

Texto: Bruno Seruca; Fotos: Reprodução Instagram e reprodução IMDb

Impala Instagram


RELACIONADOS