Beber vinho faz bem à saúde. Conheça os cinco benefícios

Um copo de vinho por dia não só não faz mal, como é comprovado em vários estudos ter benefícios para a saúde.

Beber vinho faz bem à saúde. Conheça os cinco benefícios

Beber vinho faz bem à saúde. Conheça os cinco benefícios

Um copo de vinho por dia não só não faz mal, como é comprovado em vários estudos ter benefícios para a saúde.

A dúvida se o vinho faz bem ou mal à saúde é frequente. O número de estudos científicos que destaca as propriedades terapêuticas do vinho tem vindo a aumentar e há cinco benefícios que, segundo a publicação Medical Daily, estão associados ao consumo de um copo de vinho diário.

LEIA DEPOIS
Tem um date? Estas 9 dicas vão ajudá-la a ficar no ponto para ele

Previne problemas de coração

A American Heart Association (EUA), a European Society of Cardiology (Europa) e a Sociedade Brasileira de Hipertensão Arterial indicam que o vinho pode proporcionar proteção cardiovascular. «Os polifenóis aumentam os níveis de colesterol HDL (o bom) e diminuem o LDL (o mau), além de dificultarem a formação de trombos, responsáveis por enfartes e AVCs», garante o cardiologista Jairo Monson de Souza Filho. Estas substâncias fortalecem as paredes das artérias e por consequência reduz a pressão arterial e a gordura nos vasos sanguíneos.

Melhora a memória

Três copos por semana melhoram a memória, indica uma pesquisa da Reading University. Já um estudo da Università di Milano, em Itália, afirma que o hábito ativa uma enzima que protege os neurónios. Isto significa que a bebida pode reduzir a progressão de doenças neurológicas degenerativas, como Alzheimer e demência senil. «O cérebro é vulnerável aos radicais livres. Então, pela ação antioxidante e anti-inflamatória, esses benefícios são possíveis», conta a biomédica Caroline Dani.

Ajuda na prevenção do cancro

Estudos internacionais encontraram correlações entre o consumo moderado de vinho e a prevenção do cancro da bexiga, do pulmão, da próstata, da garganta e dos ovários. «As células tumorais formam-se devido a uma desorganização interna que descontrola a sua multiplicação genética. Ao que tudo indica, os compostos fenólicos conseguem restabelecer a ação dos genes supressores de tumores, controlando a proliferação dessas células», explica Caroline.

Impede o desenvolvimento da diabetes

Os benefícios dos diabéticos no controlo do colesterol através do vinho é também comprovado em alguns estudos. Ainda assim, Haline Dalsgaard, nutricionista, alerta: «A relação entre o consumo de vinho e a redução do controle glicémico não pode ser atribuída a todos os indivíduos, pois a velocidade de metabolização do álcool não é a mesma para todos.»

Preserva a pele

«Além disso, os polifenóis melhoram a microcirculação e a hidratação do tecido», afirma Jairo Monson. O resveratrol retarda a produção de radicais livres e, portanto, preserva a pele por mais tempo.

LEIA MAIS
Quer ter um gato feliz e saudável? Temos oito dicas para si

Impala Instagram


RELACIONADOS