Mitos sobre exercício físico e dores na coluna

As dores nas costas atingem mais de 70 por cento da população portuguesa, sendo um dos problemas de saúde mais prevalente no país.

Mitos sobre exercício físico e dores na coluna

As dores nas costas atingem mais de 70 por cento da população portuguesa, sendo um dos problemas de saúde mais prevalente no país.

A Sociedade Portuguesa de Patologia da Coluna Vertebral (SPPCV) está a promover uma campanha que visa alertar para os principais mitos sobre a relação da prática de exercício físico e a saúde da coluna vertebral. Esta iniciativa surge no âmbito das comemorações do Dia Mundial da Coluna, que se assinala esta quarta-feira, 16 de outubro.

«O exercício físico pode ser benéfico no alívio da dor»

Segundo o presidente da SPPCV, Miguel Casimiro, procurou criar-se «uma campanha que tivesse como principal foco esclarecer a população sobre qual a importância do exercício físico para a saúde das nossas costas, e qual o seu impacto nas pessoas que sentem dores nas costas ou se encontram em recuperação de uma lesão na coluna».

Para o neurocirurgião, «ainda existe a perceção de que a atividade física é prejudicial para a saúde da coluna quando existem dores e/ou lesões na coluna. Contudo, está comprovado cientificamente que o exercício físico pode ser bastante benéfico no alívio da dor ou até mesmo na prevenção da mesma, sempre que recomendado pelo médico».

Dores nas costas atingem mais de 70 por cento dos portugueses

As dores nas costas atingem mais de 70 por cento da população portuguesa, sendo um dos problemas de saúde mais prevalente no país. Uma das suas principais causas é o sedentarismo. O Dia Mundial da Coluna assinala-se todos os anos a 16 de outubro, com a missão de consciencializar a população para a importância da saúde da coluna vertebral.

Veja os principais mitos na galeria.

LEIA MAIS

Dia Mundial da Coluna: Combata as dores de costas com estes exercícios

Impala Instagram


RELACIONADOS