Ljubomir Stanisic dá entrevista a Judite Sousa e recorda amigo que morreu

Depois do sucesso da primeira temporada e dos meses de espera e dúvida se Ljubomir aceitava o lugar de chef resmungão, eia a nova temporada

Ljubomir Stanisic dá entrevista a Judite Sousa e recorda amigo que morreu

Ljubomir Stanisic dá entrevista a Judite Sousa e recorda amigo que morreu

Depois do sucesso da primeira temporada e dos meses de espera e dúvida se Ljubomir aceitava o lugar de chef resmungão, eia a nova temporada

A espera acabou. Ljubomir Stanisic e Pesadelo na Cozinha estão de volta à TVI esta noite.  Depois do sucesso da primeira temporada e dos meses de espera e dúvida se Ljubomir aceitava o lugar de chef resmungão, eia a nova temporada

A primeira temporada colocou à prova restaurantes e por norma a experiência não correu bem ao jugoslavo. 

Teve vómitos, gritou, virou costas, fez amigos e inimigos, mas o programa foi um sucesso. Esta noite, esteve em entrevista no Jornal das 8.

A pergunta é de Judite Sousa e o pontapé de saída de entrevista que antecipa a estreia do programa.

“É mais difícil ser apresentador de televisão ou chef de cozinha?”

“Não sou apresentador nenhum, sou cozinheiro. Não percebo nada de televisão.”, diz Ljubomir que, antes de prosseguir a entrevista faz homenagem a Miguel Bacelar, que morreu esta semana. Era operador de câmara do programa Pesadelo na Cozinha e amigo do chef.

“O pesadelo está diferente. A equipa continua a ser a mesma mas eu estou a ser mais humano”, revela o chef. Uma vez que este programa já não é novidade, os participantes recebem o jugoslavo com cozinhas mais limpas, diz este.

A frontalidade de Ljubomir é notada por Judite e o chef diz estar focado em ajudar os concorrentes do programa, mas vez que tem apenas cinco dias e cada restaurante.

LEIA MAIS: Já há imagens da segunda temporada de Pesadelo na Cozinha. Ljubomir volta a dizer asneiras

Da temporada anterior, Ljubo afirma manter contacto com apenas três concorrentes.

Impala Instagram


RELACIONADOS