Bruno de Carvalho revela como está o processo de violência doméstica

Bruno de Carvalho faz ponto da situação sobre queixa de violência doméstica interposta contra si quando era concorrente do Big Brother Famosos.

Bruno de Carvalho revela como está o processo de violência doméstica

Bruno de Carvalho faz ponto da situação sobre queixa de violência doméstica interposta contra si quando era concorrente do Big Brother Famosos.

Quase quatro meses depois, Bruno de Carvalho ainda não tem qualquer informação sobre a queixa de violência doméstica interposta contra si pela Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género no Ministério Público, assim como do inquérito da Procuradoria Geral da República (PGR).

“Não sabemos. Está na Procuradoria-Geral da República. A queixa que está feita não implica envolvimento nenhum da Liliana [Almeida], não sei se se esqueceram, mas já deviam ter dado alguma informação, ou de arquivo, ou de qualquer outra coisa. Sei o que saiu na comunicação social, que houve duas queixas”, contou o DJ em entrevista à revista Lux. ecorde-se que as queixas aconteceram em fevereiro devido a alguns comportamentos polémicos de Bruno de Carvalho para com a namorada, Liliana Almeida, durante o “Big Brother Famosos”, da TVI.

Bruno de Carvalho: “As alarvidades que têm dito sobre mim afetam muito toda a gente que gosta de mim”

Na mesma entrevista, Bruno de Carvalho lamenta o sofrimento da família pelas polémicas em que esteve envolvido, quer durante o reality show da TVI, quer quando esteve à frente do clube dos leões. “Quando escrevemos ou comentamos seja o que for, por muito que não gostemos daquela pessoa específica, existe quem goste e se as pessoas percebessem que as alarvidades que têm dito sobre mim afetam muito toda a gente que gosta de mim… O meu pai tem quase 90 anos, a minha mãe tem 80 e a minha filha passou o que ninguém deve passar aos 15, com Alcochete. Quando decidi ir para o ‘Big Brother’ foi uma das grandes preocupações que transmiti à produção, o facto de ser um alvo fácil de calúnias e difamações e, infelizmente, voltou a acontecer, e isto não é fácil enquanto pai”, lamentou, em entrevista à mesma publicação.

“Agora, a minha vida tem sido envolta em situações das quais eu nunca poderia protegê-los. Inventou-se Alcochete, e eu não podia proteger ninguém, porque não fazia a mínima ideia do que estavam a falar no início. No ‘BB’ acabou por ser a mesma coisa, e é óbvio que isso afeta. Se as pessoas tivessem noção do que a minha família passa todos os dias, na escola, na faculdade, no trabalho… O confinamento dos meus pais começou em 2018 e ninguém merece ter uma velhice assim, porque tiveram de se esconder em casa devido ao que ouviam”, acrescentou ainda o antigo presidente do Sporting.

“O que se estava a passar cá fora era muito feio, um pai a ser acusado de tratar com violência uma mulher… imagine o que é que os meus pais e as minhas filhas voltaram a passar”, disse Bruno de Carvalho. “Quando é que a minha vida a esse nível se vai resolver? Não sei. A única coisa que sei é que me esforço todos os dias para orgulhar os meus pais e as minhas filhas”, garantiu.

Pai de Carolina Patrocínio recorda polémica das uvas sem graínha: “Gostou, casou-se com o Uva”
Carolina Patrocínio fez 35 anos e foram muitos os familiares e amigos que a felicitaram. O pai da apresentadora deixou-lhe palavras cheias de humor (… continue a ler aqui)

Texto: Ricardina Batista; Fotos: Redes sociais

Impala Instagram


RELACIONADOS