Zverev ascende ao terceiro lugar e ‘Sousas’ sobem no ranking mundial de ténis

O alemão Alexander Zverev ascendeu ao terceiro lugar do ranking mundial de ténis, hoje atualizado, que apresenta uma ligeira subida dos portugueses Pedro Sousa e João Sousa entre os 150 primeiros do mundo.

Zverev ascende ao terceiro lugar e 'Sousas' sobem no ranking mundial de ténis

Zverev ascende ao terceiro lugar e ‘Sousas’ sobem no ranking mundial de ténis

O alemão Alexander Zverev ascendeu ao terceiro lugar do ranking mundial de ténis, hoje atualizado, que apresenta uma ligeira subida dos portugueses Pedro Sousa e João Sousa entre os 150 primeiros do mundo.

Depois de ceder nas meias-finais do Masters 1.000 de Paris, diante o russo Daniil Medvedev, o jovem tenista germânico, de 24 anos, superou o grego Stefanos Tsitsipas na hierarquia mundial e recuperou o terceiro lugar do pódio, uma posição que ocupou, pela primeira vez, em novembro de 2017.

Enquanto a liderança continua a pertencer ao sérvio Novak Djokovic, que no domingo conquistou o 37.º título Masters 1.000 da carreira, numa final ganha a Medvedev, segundo classificado no ranking ATP, o espanhol Rafael Nadal continua em sentido descendente.

O esquerdino de Manacor, antigo número um mundial, não joga mais esta temporada, devido a uma lesão no pé direito, e esta segunda-feira desceu ao sexto posto, para dar passagem ao russo Andrey Rublev no ‘top 5’, ao passo que o polaco Hubert Hurkacz subiu à nona posição, empurrando o italiano Jannik Sinner para o 10.º lugar.

Entre os portugueses, Pedro Sousa mantém-se como número um português, ao ascender três posições na tabela, para figurar como 138.º classificado, enquanto João Sousa trepou quatro degraus e, esta semana, é 146.º colocado.

Entre os 300 melhores no ‘ranking’ ATP constam ainda mais cinco representantes nacionais, Frederico Silva, no 222.º lugar, Gastão Elias, no 227.º posto, João Domingues, seis degraus atrás, Nuno Borges, na 256.ª posição, e Gonçalo Oliveira, como número 287.

Na hierarquia WTA, liderada pela australiana Ashleigh Braty, seguida da bielorrussa Aryna Sabalenka e da checa Barbora Krejcikova, só houve duas alterações no ‘top 10’ mundial, com a subida da polaca Iga Swiatek ao nono lugar e da espanhola Paula Badosa à décima posição.

SRYS // RPC

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS