Weigl e Zivkovic dizem que estão bem e condenam ataque ao autocarro do Benfica

Os futebolistas Julian Weigl e Zivkovic, atingidos na quinta-feira pelos estilhaços dos vidros partidos no ataque com pedras ao autocarro do Benfica, publicaram uma fotografia em conjunto, dizendo estarem bem.

Weigl e Zivkovic dizem que estão bem e condenam ataque ao autocarro do Benfica

Weigl e Zivkovic dizem que estão bem e condenam ataque ao autocarro do Benfica

Os futebolistas Julian Weigl e Zivkovic, atingidos na quinta-feira pelos estilhaços dos vidros partidos no ataque com pedras ao autocarro do Benfica, publicaram uma fotografia em conjunto, dizendo estarem bem.

Na imagem, publicada no Instagram de cada um, Zivkovic surge sentado ao lado de Weigl, com o sérvio a apresentar um curativo no olho atingido, tapado, e ambos condenam o ataque, referindo que nada justifica uma situação destas.

“Quero que saibam que estou bem. Tivemos muita sorte. Todos cometemos erros, mas uma linha foi ultrapassada. Atirar pedras a um autocarro sem se preocuparem se alguém fica ferido? Sei que isto não é o que os adeptos do Benfica são”, disse Weigl.

O médio alemão, que em abril de 2017 já tinha estado no autocarro do Borussia Dortmund que foi atacado à bomba, antes de um jogo da Liga dos Campeões, aproveitou para lembrar os tempos que se vivem com a covid-19.

“Estas últimas semanas e dias mostraram-nos que a melhor solução é estarmos juntos, em vez de, literalmente, atirarmos pedras uns aos outros”, acrescentou, agradecendo a todos os que lhe enviaram mensagens.

O sérvio Zivkovic, o mais afetado com o incidente, com um penso a tapar um dos olhos, disse estar bem, mas defendeu que o comportamento não tem justificação.

“Não podemos justificar este comportamento, mas asseguramos que continuaremos a lutar pelo Benfica e a dar tudo”, referiu o extremo sérvio, agradecendo também todas as mensagens de apoio recebidas.

O incidente com o autocarro do Benfica, que tinha empatado sem golos frente ao Tondela, aconteceu na quinta-feira à noite, na saída da autoestrada A2, a caminho do centro de estágios do Seixal, com a viatura a ser atacada com pedras, resultando em estilhaços que atingiram Weigl e Zivkovic.

Em comunicado, o clube da Luz confirmou que o autocarro foi alvo de um “criminoso apedrejamento” e confirmou que os dois futebolistas foram conduzidos ao hospital para “serem observados, na sequência dos estilhaços que os atingiram”.

RPM // AMG

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS