Volta a Portugal: Alto na Arrábida põe hoje à prova amarela de Amaro Antunes

O alto da Arrábida será o último teste montanhoso à liderança do ciclista português Amaro Antunes (W52-FC Porto) na Volta a Portugal, cuja sétima etapa acaba hoje em Setúbal.

Volta a Portugal: Alto na Arrábida põe hoje à prova amarela de Amaro Antunes

Volta a Portugal: Alto na Arrábida põe hoje à prova amarela de Amaro Antunes

O alto da Arrábida será o último teste montanhoso à liderança do ciclista português Amaro Antunes (W52-FC Porto) na Volta a Portugal, cuja sétima etapa acaba hoje em Setúbal.

Loures, onde a República foi declarada um dia antes do resto do país, em 04 de outubro de 1910, assinala a efeméride com o arranque da sétima etapa, agendado para as 13:30, 10 minutos depois de a partida simbólica ser dada no Parque da Cidade.

Os 88 resistentes desta edição especial vão encontrar a primeira montanha da jornada de 161 quilómetros em Carvalha, onde uma contagem de quarta categoria está instalada ao quilómetro 37,9.

Depois, o pelotão vai passar as três metas volantes da sétima etapa, em Vila Franca de Xira (55,8), Montijo (98,4) e Palmela (119,8), antes de escalar até ao Alto da Arrábida, uma segunda categoria que tem uma extensão de 6,5 quilómetros e uma pendente média de inclinação de 4,6%.

A última montanha desta edição está situada a apenas 13,4 quilómetros da meta localizada na Avenida Luísa Todi, onde os ciclistas deverão chegar por volta das 17:31.

Na véspera do contrarrelógio final, Amaro Antunes vai partir para a sétima etapa com 13 segundos de vantagem sobre o compatriota Frederico Figueiredo (Atum General-Tavira-Maria Nova Hotel), segundo na geral individual à frente do espanhol Gustavo Veloso (W52-FC Porto), terceiro a 01.13.

AMG // JP

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS