Treinador do Famalicão quer sair do Dragão em primeiro lugar

O treinador do Famalicão, João Pedro Sousa, frisou hoje que quer manter o primeiro lugar da I Liga portuguesa de futebol após a visita ao Estádio do Dragão, para defrontar o FC Porto.

Treinador do Famalicão quer sair do Dragão em primeiro lugar

Treinador do Famalicão quer sair do Dragão em primeiro lugar

O treinador do Famalicão, João Pedro Sousa, frisou hoje que quer manter o primeiro lugar da I Liga portuguesa de futebol após a visita ao Estádio do Dragão, para defrontar o FC Porto.

Na conferência de imprensa de antevisão do encontro com os ‘dragões’, da oitava ronda, o técnico admitiu que a equipa está preparada “para as dificuldades” e garantiu que não vai mudar nada do que tem sido feito até agora.

“É um orgulho para nós, à oitava jornada, entrar no Dragão como primeiros classificados. Quero sair do Dragão no primeiro lugar”, frisou o técnico do Famalicão, que, em sete jornadas, apenas perdeu pontos em Guimarães (1-1).

João Pedro Sousa diz saber que vai enfrentar “um adversário muito complicado, um clube de elite, que está formatado para competições como a ‘Champions’, com uma equipa técnica muito competente”.

“É uma equipa que respira Sérgio Conceição todos os minutos. Estamos preparados para as dificuldades e não vamos mudar em nada o que fazemos sempre”, garantiu.

Na I Liga 2019/2020, o Famalicão, que regresso ao convívio com os ‘grandes’ 25 anos depois, já venceu em casa do Sporting e, nesse sentido, o treinador prometeu a mesma postura frente ao FC Porto.

“A nossa ideia vai manter-se, com boa circulação, jogo interior, saída pelas alas e colocar pessoas em zonas de finalização. Tenho dificuldade em dizer pontos fracos do FC Porto, pois só tem vitórias em casa e não sofre golos, mas vamos tentar encontrar situações a explorar”, explicou.

O técnico adiantou ainda que o “FC Porto habitualmente não tem dois jogos seguidos com maus resultados”, em alusão ao empate (1-1) caseiro frente ao Rangers, para a Liga Europa, na quinta-feira, mas mostrou-se crente que essa situação vai acontecer no jogo com o Famalicão.

“Nós vamos contrariar essa situação”, avançou.

O Famalicão regressa à competição no campeonato depois de ter eliminado o Lusitânia Lourosa da Taça de Portugal, apenas no desempate por penáltis, sendo que, para João Pedro Sousa, a longa paragem no campeonato foi algo que não ajudou a equipa.

“Foi muito tempo a treinar e não competir. Nós treinamos para competir. Sem competição, as coisas não evoluem e, por isso, foi prejudicial”, admitiu.

O FC Porto, terceiro classificado, com 18 pontos, recebe no domingo, pelas 17:30 horas, o líder Famalicão, com 19, no Estádio do Dragão, numa partida relativa à oitava jornada da I Liga portuguesa de futebol.

JYA // PFO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS