Tóquio2020: Russa Mariya Lasitskene continua a ser a melhor no salto em altura

A russa Mariya Lasitskene, a concorrer em Tóquio2020 sob bandeira neutra, confirmou nos Jogos Olímpicos que continua a ser a grande dominadora no salto em altura.

Tóquio2020: Russa Mariya Lasitskene continua a ser a melhor no salto em altura

Tóquio2020: Russa Mariya Lasitskene continua a ser a melhor no salto em altura

A russa Mariya Lasitskene, a concorrer em Tóquio2020 sob bandeira neutra, confirmou nos Jogos Olímpicos que continua a ser a grande dominadora no salto em altura.

Única atleta a transpor a fasquia a 2,04 metros, chegou ao ouro olímpico que lhe foi ‘negado’ no Rio2016, vítima da proibição de participação decretada ao atletismo do seu país.

A tripla campeã mundial continua assim totalmente vitoriosa ao mais alto nível, desde 2015.

Vinda de uma lesão, este ano, chegou-se a temer que não ia ganhar neste Jogos, com alguns derrubes a 1,96 e 1,98, mas depois acertou a corrida e acima dos dois metros já se percebia que era a melhor.

A australiana Nicola McDermott, sem palmarés relevante, superou-se para um recorde da Oceania a 2,02 metros, à frente da sénior de primeiro ano Yaroslava Mahuchikh (vice-campeã mundial), que superou somente 2,00.

Em Tóquio2020, apenas participaram excecionalmente 10 atletas russos, sob a bandeira dos atletas neutrais, já que a suspensão da Rússia prossegue, na sequência do escândalo de ‘doping’ de Estado, revelado há seis anos.

FB // PFO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS