Tóquio2020: Atletas vão ser testados à covid-19 todos os dias

Os atletas participantes nos Jogos Olímpicos Tóquio2020 vai ser submetidos diariamente a testes à covid-19, anunciou hoje a organização, atualizando o plano anterior.

Tóquio2020: Atletas vão ser testados à covid-19 todos os dias

Tóquio2020: Atletas vão ser testados à covid-19 todos os dias

Os atletas participantes nos Jogos Olímpicos Tóquio2020 vai ser submetidos diariamente a testes à covid-19, anunciou hoje a organização, atualizando o plano anterior.

Os atletas participantes nos Jogos Olímpicos Tóquio2020 vai ser submetidos diariamente a testes à covid-19, anunciou hoje a organização, atualizando o plano anterior de rastrear os participantes a cada quatro dias.

O reforço na despistagem à infeção pelo novo coronavírus consta da nova versão do manual (‘playbook’) para as comitivas, no qual são elencadas as várias medidas face à pandemia, que, segundo o presidente do Comité Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, representam “um sinal de solidariedade e respeito da comunidade olímpica para com os anfitriões japoneses”.

Os Jogos Olímpicos Tóquio2020 foram adiados para 23 de julho a 08 de agosto de 2021, devido à pandemia de covid-19, enquanto os Paralímpicos foram reagendados para o período entre 24 de agosto e 05 de setembro.

Organização pede reforço de enfermeiros

Os organizadores dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tóquio2020 confirmaram hoje ter solicitado os serviços de 500 enfermeiros nipónicos durante os eventos, numa tentativa de evitar uma sobrecarga do sistema de saúde do país, devido à pandemia de covid-19.

O pedido, feito à Associação de Enfermeiros do Japão, está a gerar fortes críticas nas redes sociais, com muitos internautas a acusarem os organizadores dos Jogos de monopolizarem recursos médicos essenciais, numa altura em que o país enfrenta uma nova vaga de infeções por covid-19.

A menos de três meses do início dos Jogos Olímpicos, quatro regiões do país, entre as quais Tóquio, estão sob estado de emergência, o terceiro desde o início da pandemia de covid-19, devido ao aumento de infeções pelo novo coronavírus.

O diretor-executivo da organização, Toshiro Muto, que confirmou o pedido, explicou que as discussões ainda estão a decorrer, garantindo que será encontrada uma forma de “garantir reforços” sem comprometer o normal funcionamento dos serviços de saúde.

“Nem é preciso dizer que os serviços regionais de saúde não serão interrompidos por causa deste pedido”, afirmou Muto, assegurando que o pedido “não foi feito nos bastidores”.

Nas redes sociais, depois de conhecida a solicitação, surgiram críticas como: “não é brincadeira, há pessoas a morrer por causa dos Jogos Olímpicos”.

Impala Instagram


RELACIONADOS