Tenista Medvedev é o novo líder do ‘ranking’ ATP, Djokovic cai para terceiro

O tenista russo Daniil Medvedev reassumiu hoje a liderança do ‘ranking’ mundial do circuito profissional masculino, destronando o sérvio Novak Djokovic.

Tenista Medvedev é o novo líder do 'ranking' ATP, Djokovic cai para terceiro

Tenista Medvedev é o novo líder do ‘ranking’ ATP, Djokovic cai para terceiro

O tenista russo Daniil Medvedev reassumiu hoje a liderança do ‘ranking’ mundial do circuito profissional masculino, destronando o sérvio Novak Djokovic.

Medvedev, de 26 anos, que no domingo perdeu a final de Hertogenbosch com o neerlandês Van Rijthoven (6-4 e 6-1), passa a contabilizar 7.950 pontos, enquanto o alemão Alexander Zverev sobe a segundo (7.075) e Djokovic desce a terceiro (6.770).

A classificação desta semana contempla os resultados de Roland Garros, que no último ano acabou uma semana mais tarde, pelo que Novak Djokovic, vencedor o ano passado, perde 2.000 pontos.

O sérvio, que desde fevereiro de 2020 apenas tinha estado fora da liderança duas semanas, já em fevereiro e março deste ano, cai agora para terceiro, à frente de Rafael Nadal, que se mantém na quarta posição, a 245 pontos de Djokovic.

Já Zverev, que recupera da grave lesão sofrida na meia-final de Roland Garros, frente a Rafael Nadal — que viria a conquistar o seu 22.º ‘major’ e 14.º em Roland Garros -, tem a sua mais alta posição de sempre, na vice-liderança do circuito.

No ‘ranking’, destaque ainda para o britânico Andy Murray, campeão de Wimbledon (2013 e 2016) e do Open dos Estados Unidos (2012), que, aos 35 anos e num final de carreira marcado por lesões, protagonizou a maior subida no ‘top 100’.

O britânico, que no domingo perdeu na final de Estugarda com o italiano Matteo Berretini, subiu 21 posições e é 47.º classificado.

Entre os portugueses, João Sousa é o mais bem classificado, com uma subida de seis lugares, que o coloca em 57.º, enquanto Nuno Borges, a subir duas posições, e Gastão Elias, a subir sete, são 128.º e 165.º colocados, respetivamente.

Em femininos (WTA), o pódio mantém-se inalterado, com a liderança da polaca Iga Swiatek (8.631 pontos), seguida, muito de longe, pela estónia Anett Kontaveit (4.511) e a espanhola Paula Badosa (4.245).

RPM // PFO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS