Tenista austríaco Dominic Thiem recebe ‘wild card’ para o Estoril Open

Dominic Thiem, antigo número três mundial, recebeu um ‘wild card’ para o Estoril Open, anunciou hoje a organização do torneio português, destacando o facto de o tenista austríaco ser “um dos melhores da atualidade na terra batida”.

Tenista austríaco Dominic Thiem recebe 'wild card' para o Estoril Open

Tenista austríaco Dominic Thiem recebe ‘wild card’ para o Estoril Open

Dominic Thiem, antigo número três mundial, recebeu um ‘wild card’ para o Estoril Open, anunciou hoje a organização do torneio português, destacando o facto de o tenista austríaco ser “um dos melhores da atualidade na terra batida”.

“Há já algum tempo que procurávamos contar com a presença de Dominic Thiem no Millennium Estoril Open. Para além de já ter ganho um título do Grand Slam no US Open, é considerado um dos melhores da atualidade na terra batida e as suas duas finais em Roland Garros atestam-no”, salientou o diretor do único torneio ATP disputado em Portugal, citado em comunicado.

João Zilhão recordou que o tenista austríaco “teve alguns azares nos últimos meses”, problemas esses que “estão ultrapassados”, mostrando-se confiante que o público que se deslocar ao Clube de Ténis do Estoril vai ver Thiem “no máximo da sua força”.

“É não só um dos melhores jogadores do mundo em terra batida, mas também um extraordinário competidor muito apreciado pelos fãs de todo o mundo”, completou.

Vencedor de 17 títulos ATP, entre os quais o Open dos Estados Unidos de 2020 e o Masters 1.000 de Indian Wells de 2019, o austríaco de 28 anos foi também duas vezes finalista em Roland Garros (2018 e 2019) e nas ATP Finals (2019 e 2020), tendo também chegado à final do Open da Austrália em 2020.

“Gostava de vos dizer que a minha recuperação da covid se está a processar bem e que estarei de novo pronto para competir nos próximos dias Queria agradecer ao Millennium Estoril Open pelo convite para jogar este ano em Cascais. Têm-me dado excelentes referências sobre o torneio e estou desejoso de ir jogar a Portugal e regressar ao circuito”, disse Thiem, numa mensagem enviada à organização e citada no comunicado.

A estreia do antigo número três mundial em torneios ATP em território nacional — há seis anos, liderou a seleção austríaca na vitória sobre Portugal na primeira eliminatória do Grupo I da Zona Europa/África da Taça Davis — acontece depois de meses conturbados para o tenista.

Thiem lesionou-se no pulso direito no torneio de Maiorca, em meados de junho do ano passado, e esteve longos meses afastado dos ‘courts’, adiando sucessivamente o regresso à competição, até finalmente voltar no ‘challenger’ de Marbella, no final de março.

O austríaco é o segundo ‘presenteado’ com um ‘convite’ da organização para jogar o quadro principal do Estoril Open, que se disputa entre 25 de abril e 01 de maio, depois de também o português João Sousa ter recebido um ‘wild card’.

AMG // JP

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS