Taarabt só pensa em vencer Shakhtar, apesar dos últimos desaires

O médio do Benfica Adel Taarabt assegurou hoje que os ‘encarnados’ só pensam em vencer o Shakhtar Donetsk, na Liga Europa de futebol, apesar dos resultados negativos que têm registado nas competições nacionais.

Taarabt só pensa em vencer Shakhtar, apesar dos últimos desaires

Taarabt só pensa em vencer Shakhtar, apesar dos últimos desaires

O médio do Benfica Adel Taarabt assegurou hoje que os ‘encarnados’ só pensam em vencer o Shakhtar Donetsk, na Liga Europa de futebol, apesar dos resultados negativos que têm registado nas competições nacionais.

“Vamos entrar com a intenção de ganhar o jogo. Respeitamos o Shakhtar, tem uma boa equipa e esteve na fase de grupos da Liga dos Campeões, como nós. Mas vamos tentar ganhar, como fazemos em todos os jogos”, afirmou o internacional marroquino, em conferência de imprensa.

Taarabt, que acompanhou o treinador Bruno Lage na antevisão da partida de quinta-feira, da primeira mão dos 16 avos de final da Liga Europa, admitiu que os dois últimos resultados do Benfica “não foram bons” (derrotas com FC Porto e Sporting de Braga), mas considerou que a equipa tem “jogado bem”.

“No último jogo [com o Sporting de Braga], tivemos oportunidades e poderíamos ter ganhado por dois ou três golos. Quando não acontece, é fácil começar a pensar dessa forma. No futebol, há momentos assim. No Benfica só pensamos em ganhar e, quando há resultados menos bons, todos questionam a equipa. Trabalhamos bem, jogamos bom futebol e amanhã [quinta-feira] vamos procurar alcançar um bom resultado”, disse.

Depois de várias épocas sem se conseguir impor nas equipas que representou, o marroquino tem sido um dos jogadores mais utilizados por Bruno Lage, no Benfica: “Não gosto de falar do passado. Estou a viver o momento e todos os minutos em que estou em campo. Não tenho arrependimentos.”

Apesar das ausências do alemão Weigl, castigado, e de Gabriel, lesionado, o médio mostrou confiança nos jogadores que vão ser lançados por Bruno Lage, inclusive naquele que for escolhido para o acompanhar na dupla de meio-campo.

“Têm de perguntar ao treinador. Estou sempre pronto para ajudar a equipa e dou sempre o melhor quando o treinador me chamar. Temos jogadores de qualidade. Não tenho qualquer problema em jogar com qualquer jogador”, referiu.

Benfica e Shakhtar Donetsk jogam na quinta-feira, a partir das 17:55 (hora de Lisboa), em Kharkiv, num encontro que será dirigido pelo escocês Bobby Madden.

MO // VR

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS