Queda atrasa Paulo Gonçalves no rali de Marrocos

Queda atrasa Paulo Gonçalves no rali de Marrocos

Uma queda sofrida hoje na primeira parte da terceira etapa do rali de Marrocos em todo-o-terreno atrasou o português Paulo Gonçalves (Honda), que baixou ao sétimo lugar da classificação das motas.

“Foi um mau dia. Caí antes do reabastecimento e depois fui mais calmo, com alguns problemas físicos e na mota. Estamos numa etapa maratona, sem assistência. Agora, o objetivo é chegar a Fés sem mais problemas”, contou à agência Lusa o piloto de Esposende, que ficou com dores nas costas e numa mão.

Gonçalves terminou a tirada de hoje, na região de Erfoud, com 305 quilómetros, no 14.º lugar, a 27.48 minutos do vencedor, o britânico Sam Sunderland. O outro português em prova, Mário Patrão (KTM), foi 13.º, a 25.17 minutos de Sunderland.

Na classificação geral, o austríaco Mathias Walkner (KTM) é o novo líder. Paulo Gonçalves baixou ao sétimo lugar, a 39.23 minutos. Mário Patrão é 14.º, a 1:30.55 horas.

Nos automóveis, o português Alejandro Martins, que faz dupla com Manuel Porém num Toyota, foi nono na etapa de hoje, ganha por Jakub Przygonski (Mini) e subiu ao oitavo lugar da geral, a 1:34.36 horas do líder, Nasser Al-Attiyah (Toyota), apesar de alguns problemas físicos sofridos por Manuel Porém.

“Já sabíamos que ia ser uma etapa muito complicada pelo facto de quase toda ela ter sido disputada nas dunas. O pior foi que o Manuel teve um problema alimentar que limitou a sua prestação. Foi necessário um esforço enorme manter a concentração nestas condições e por isso estou ainda mais satisfeito pelo resultado conseguido. Amanhã a etapa promete ser ainda mais difícil, mas conto que o Manuel consiga recuperar até lá para podermos continua a dar o nosso melhor”, referiu Alejandro Martins no final desta terceira etapa.

Entre as SSV, o melhor português continua a ser Luís Portela Morais, acompanhado por David Megre. Hoje terminaram na terceira posição, a 6.34 minutos do vencedor, o russo Sergei Kariakin.

Mário Ferreira foi oitavo, André Villas Boas o 14.º. Portela de Morais é agora quinto, a 20.24 minutos de Kariakin. Mário Ferreira é oitavo, a 2:17.52 horas e Villas Boas o 11.º, a 7:51.48 horas.

AGYR // VR

By Impala News / Lusa

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Queda atrasa Paulo Gonçalves no rali de Marrocos

Uma queda sofrida hoje na primeira parte da terceira etapa do rali de Marrocos em todo-o-terreno atrasou o português Paulo Gonçalves (Honda), que baixou ao sétimo lugar da classificação das motas.