Presidente do Vitória de Setúbal agredido por empresário na rua

Vítor Hugo Valente foi agredido pelo empresário Paulo Rodrigues, na Avenida Luísa Todi, em Setúbal, e teve de receber assistência hospitalar.

Presidente do Vitória de Setúbal agredido por empresário na rua

Presidente do Vitória de Setúbal agredido por empresário na rua

Vítor Hugo Valente foi agredido pelo empresário Paulo Rodrigues, na Avenida Luísa Todi, em Setúbal, e teve de receber assistência hospitalar.

O presidente do Vitória de Setúbal, Vítor Hugo Valente, foi agredido na quinta-feira pelo empresário Paulo Rodrigues, na Avenida Luísa Todi, em Setúbal, confirmou  à agência Lusa fonte do clube da I Liga de futebol.  O dirigente recebeu assistência hospital, encontrando-se neste momento em casa a recuperar e, segundo a mesma fonte, vai apresentar queixa na polícia.

LEIA DEPOIS
Contratos de telecomunicações vão poder ser cancelados pela internet

Paulo Rodrigues reclama dívida de 300 mil euros ao clube

Vítor Hugo Valente estava sozinho e ia entrar para o seu automóvel quando Paulo Rodrigues surgiu e o terá empurrou de costas para o chão, tendo, a partir daí, sido agredido com murros e pontapés. Antes e durante as agressões, o empresário aludiu ao facto de, na segunda-feira, ter sido visado pelo presidente, que garantiu em conferência de imprensa ir apresentar queixa-crime contra Paulo Rodrigues, que acusou o dirigente de ter desviado dinheiro do clube.

Aí queres tribunal, vais pôr-me em tribunal? Então, toma lá o tribunal“, terá dito Paulo Rodrigues, de acordo com a mesma fonte, no momento em que deu início às agressões, ao final da tarde desta quinta-feira, 26 de dezembro. A Lusa tentou, mas não conseguiu, contactar o empresário Paulo Rodrigues, que reclama uma dívida de 300 mil euros ao clube.

LEIA MAIS
Fuga de gás obriga a evacuar lojas e casas em Famalicão
Estudo revela o tipo de mamas preferido dos homens

Impala Instagram


RELACIONADOS