Portugal inicia hoje Mundial de padel com “as melhores seleções de sempre”

Portugal vai iniciar hoje o Campeonato do Mundo de padel, que se joga até 05 de novembro no Dubai Aviation Club, nos Emirados Árabes Unidos, com “as melhores seleções de sempre”, tanto em homens como em senhoras.

Portugal inicia hoje Mundial de padel com

Portugal inicia hoje Mundial de padel com “as melhores seleções de sempre”

Portugal vai iniciar hoje o Campeonato do Mundo de padel, que se joga até 05 de novembro no Dubai Aviation Club, nos Emirados Árabes Unidos, com “as melhores seleções de sempre”, tanto em homens como em senhoras.

A seleção masculina está integrada no grupo A, juntamente com Espanha, uma das maiores potências do padel mundial, a par de Argentina, Uruguai e Grã-Bretanha, e será representada por Afonso Fazendeiro, Henrique Barbosa, Miguel Deus, Miguel Oliveira, Nuno Deus, Pedro Perry, Pedro Araújo e Vasco Pascoal.

“A Argentina e a Espanha estão ainda noutro nível e a seguir vem o Brasil, mas já muito colado a Portugal, França e Itália. Um milagre seria um terceiro lugar, um bom resultado e merecido seria o quarto”, começou por afirmar Pedro Plantier, responsável pela comitiva nacional.

A prova masculina vai contar com 17 nações, uma vez que o Qatar acedeu diretamente ao Mundial com um convite, e o sorteio não foi o mais feliz para as cores nacionais.

“Nos homens, ficámos com a Espanha e, como à partida, passamos em segundo ,apanhamos o Brasil, a terceira potência, nos quartos de final. Não é um quadro fácil, mas também nunca é. Vamos dar o nosso melhor e estamos confiantes”, avaliou Plantier.

Na competição feminina, também disputada por 17 equipas, sendo os Emirados Árabes Unidos a formação convidada, Portugal colocará em jogo Ana Catarina Nogueira, Catarina Castro Vilela, Clarinha Santos, Helena Medeiros, Kátia Rodrigues, Margarida Fernandes, Patrícia Ribeiro e Sofia Araújo, que, integradas no grupo C, vão lutar com Itália, México e Países Baixos pela qualificação para a fase final.

“A Espanha está a anos-luz de todas as outras seleções. A Argentina baixou muito a guarda, o que permite a uma seleção portuguesa, sueca ou italiana sonhar com uma ida ao pódio. No sorteio, contudo, apanhámos a Itália, que é povavelmente a terceira seleção mais forte, um bocadinho mais forte que nós, e quem passar à frente na fase de grupos tem um quadro mais fácil. Quem ficar em segundo, calha com a Espanha nos quartos de final. Portanto, o nosso jogo neste Mundial na fase de grupos vai ser contra a Itália”, sublinhou o responsável português.

SRYS // VR

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS