Petit diz que Belenenses SAD não olha para o último lugar na classificação

O treinador do Belenenses SAD disse hoje que a equipa não olha para a classificação da I Liga portuguesa de futebol, onde segue em último lugar, e que o importante é focar-se no trabalho e evolução.

Petit diz que Belenenses SAD não olha para o último lugar na classificação

Petit diz que Belenenses SAD não olha para o último lugar na classificação

O treinador do Belenenses SAD disse hoje que a equipa não olha para a classificação da I Liga portuguesa de futebol, onde segue em último lugar, e que o importante é focar-se no trabalho e evolução.

Em conferência de imprensa de antevisão do encontro da sexta jornada, sábado, frente ao Gil Vicente, Petit lembrou que “é natural que a equipa ainda não esteja no seu melhor”, mas frisou que os últimos reforços “vieram trazer mais qualidade de treino e processos” e mostrou-se confiante numa “boa resposta” da sua equipa.

“Eles também estão ansiosos pelos três pontos e por essa [primeira] vitória, mas não olhamos para a tabela. Olhamos para o trabalho, a evolução e é para isso que trabalhamos semana após semana”, afirmou o treinador do Belenenses SAD.

O adversário de sábado também não vence há três jogos, mas Petit lembrou que o Gil Vicente “tem sete pontos e está a fazer um bom início de época”. No entanto, insistiu que a sua equipa está focada no seu “trabalho” e “crescimento” e mostrou-se convicto de que vai “dar uma boa resposta e conseguir a primeira vitória no campeonato”.

“Temos tudo para amanhã [sábado] fazer esse bom jogo, conseguir os três pontos, dar um salto na tabela classificativa e também para a equipa crescer em termos anímicos”, assumiu o técnico, antes da partida para Leiria, onde se vai disputar o encontro com os gilistas.

A capacidade anímica da equipa, de resto, “cresce melhor com vitórias”, admitiu Petit, antes de lembrar que a equipa também está mais experiente do que no início da competição.

“Há sete ou oito semanadas começámos com muita juventude. Hoje temos jogadores com mais experiência, que vêm dar alguma estaleca à equipa e algum conforto quando as coisas estão a correr menos bem no jogo”, explicou.

Nesse sentido, desafiado a analisar a importância das chegadas de Yohan Tavares e Alisson Safira para o crescimento coletivo da equipa, Petit admitiu que o primeiro “é um jogador com experiência e que conhece o futebol português”, enquanto o segundo “é, sem dúvida, um miúdo com características diferentes”.

No entanto, fez questão de juntar à sua análise o avançado Abel Camará, que “também já passou por cá”, e Camacho, jogador que aprecia “bastante” e que “joga bem entre linhas”.

“Cada jogador é diferente do outro, mas o mais importante é termos opções para aquilo que queremos do jogo em termos ofensivos e defensivos e dar algo diferente em cada jogo”, analisou.

O Belenenses SAD recebe o Gil Vicente no sábado, às 18:00, em partida da sexta jornada da I Liga portuguesa que será disputada no Estádio Municipal de Leiria, casa emprestada dos ‘azuis’ enquanto o relvado do Estádio Nacional continua em obras de substituição.

A equipa orientada por Petit viaja hoje para Leiria, mas abdicou do treino de adaptação ao relvado do Estádio Dr. Magalhães Pessoa, uma vez que este recebe hoje um encontro da quarta jornada da Liga 3, entre a União de Leiria e o Alverca.

 

SYL // AJO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS