Pepa diz que “jogar à Paços é inegociável”

Pepa quer o Paços de Ferreira saia de Vila do Conde “com a consciência tranquila” de tudo ter feito para vencer o Rio Ave, na 29.ª jornada da I Liga de futebol, domingo, 25 de abril.

Pepa diz que

Pepa diz que “jogar à Paços é inegociável”

Pepa quer o Paços de Ferreira saia de Vila do Conde “com a consciência tranquila” de tudo ter feito para vencer o Rio Ave, na 29.ª jornada da I Liga de futebol, domingo, 25 de abril.

O técnico pacense fez hoje o enunciado do que deve ser a ‘Revolução dos cravos’ para o momento atual da equipa, derrotada nos últimos quatro jogos, distribuindo (por todos no balneário) “coragem, caráter e personalidade”.

“O grande desafio é sermos iguais a nós próprios, com confiança máxima e sem desesperar ou desconfiar de nada. Não desaprendeu quem fez três quartos do campeonato a um nível fantástico”, disse Pepa, em conferência de imprensa.

O comandante das ‘tropas’ pacenses disse ainda ser preciso lidar com o momento e poder corrigir em campo o que de menos bom tem sido feito, “jogando bem e de acordo com os processos da equipa, para ficar mais perto de ganhar”.

“Nós queremos muito ganhar, mas também temos de sair de campo com a consciência tranquila de tudo termos feito, jogando à Paços, com caráter, personalidade, coragem. E isso é inegociável”, sublinhou.

Pepa, qual ‘general sem medo’ do que falta disputar no campeonato, pediu também “tempo de ataque e paciência” aos seus jogadores, de acordo com os princípios básicos para quem quer e tem de mudar o regime atual.

“A equipa menos precipitada vai ter melhor qualidade de jogo e a menos ansiosa vai ficar mais perto de ganhar”, disse.

Do outro lado, vai estar um Rio Ave (também) a necessitar de pontos, após seis jogos sem ganhar, e que mereceu elogios de Pepa.

“O Rio Ave habituou-nos nos últimos anos a lutar pelas competições europeias, e com muito mérito. Neste momento, estão a lutar por outros objetivos, mas a qualidade do plantel é enorme”, acrescentou, sem deixar de dizer que não tem memória de “um campeonato assim, com tanta intensidade e competitividade”.

Marco Baixinho, que já iniciou trabalho de campo, e Diaby, a recuperar de cirurgia, são as ausências nas opções do técnico para o jogo em Vila do Conde.

Na tabela, o Paços ocupa o quinto lugar, em zona europeia, com 44 pontos, enquanto o Rio Ave é 14.º, com 29, tendo a permanência ainda indefinida. As duas equipas defrontam-se no popular Estádio dos Arcos, em Vila do Conde, no domingo, às 17:30, num jogo que terá arbitragem de Manuel Oliveira, da associação do Porto.

CYA // PFO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS