Olympiacos, Dínamo Kiev e Ferencvaros apurados para fase de grupos da Liga dos Campeões

O Olympiacos de Pedro Martins, o Dínamo Kiev e o Ferencvaros apuraram-se hoje para a fase de grupos da Liga dos Campeões de futebol, após afastarem, respetivamente, o Omónia, o Gent e o Molde no ‘play-off’.

Olympiacos, Dínamo Kiev e Ferencvaros apurados para fase de grupos da Liga dos Campeões

Olympiacos, Dínamo Kiev e Ferencvaros apurados para fase de grupos da Liga dos Campeões

O Olympiacos de Pedro Martins, o Dínamo Kiev e o Ferencvaros apuraram-se hoje para a fase de grupos da Liga dos Campeões de futebol, após afastarem, respetivamente, o Omónia, o Gent e o Molde no ‘play-off’.

No caminho dos campeões, os gregos do Olympiacos apresentaram-se no Chipre com dois golos de vantagem, que nunca estiveram em perigo, pois os helénicos voltaram a ser mais fortes.

Com os portugueses José Sá e Rúben Semedo no ‘onze’, e Cafú a entrar já nos descontos, os campeões gregos impuseram-se à equipa de Vítor Gomes – Kiko não saiu do banco — com os tentos da primeira mão, do francês Mathieu Valbuena, aos 69, de grande penalidade, e do marroquino Youseff El Arabi, aos 90+2.

Depois do empate 3-3 na Noruega, onde esteve a vencer por 2-0 e no fim resgatou o empate, o Ferencváros recebeu na Hungria o Molde, num embate que terminou novamente empatado, desta vez 0-0, valendo-lhe os golos fora.

No caminho dos campeões, os ucranianos do Dínamo Kiev tinham de gerir a vantagem 2-1 conquistada na Bélgica em casa do Gent, que voltou a não ter argumentos para a equipa agora liderada pelo romeno Mircea Lucescu, que se impôs por indiscutível 3-0.

Aos nove minutos, Vitalii Buyalskyi, em desvio de calcanhar na pequena área, reforçou a tendência da eliminatória.

O resto aconteceu com pontapés da marca de grande penalidade, aos 36, por Carlos de Pena, e aos 49, pelo luxemburguês Gerson Rodrigues, nascido em Portugal, que resultou no 3-0.

Na quarta-feira, os gregos do PAOK, comandados por Abel Ferreira e que afastaram o Benfica na ronda anterior, vão tentar reverter em casa a derrota por 2-1 sofrida no recinto dos russos do Krasnodar, ‘carrascos’ do FC Porto na temporada passada.

Os austríacos do Salzburgo pretendem confirmar no seu reduto o triunfo por 2-1 no terreno dos israelitas do Maccabi Telavive, enquanto os checos do Slavia de Praga tentarão contrariar fora o empate 0-0 cedido ante os dinamarqueses do Midtjylland.

O sorteio da fase de grupos, no qual entra o FC Porto, realiza-se na quinta-feira.

RBA // VR

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS