Mundial2022: Itália com recorde de invencibilidade, Sarabia marca e Sousa goleia

Um empate 0-0 na Suíça valeu hoje à Itália o recorde de 36 jogos de invencibilidade, num apuramento para o Mundial2022 de futebol que teve um golo de Pablo Sarabia pela Espanha e goleada da Polónia, de Paulo Sousa.

Mundial2022: Itália com recorde de invencibilidade, Sarabia marca e Sousa goleia

Mundial2022: Itália com recorde de invencibilidade, Sarabia marca e Sousa goleia

Um empate 0-0 na Suíça valeu hoje à Itália o recorde de 36 jogos de invencibilidade, num apuramento para o Mundial2022 de futebol que teve um golo de Pablo Sarabia pela Espanha e goleada da Polónia, de Paulo Sousa.

Os campeões europeus, que falharam um penálti, por Jorginho, aos 53 minutos, não perdem desde setembro de 2018, quando foram batidos por Portugal, por 1-0, com golo de André Silva (53 minutos), na Liga das Nações, no Estádio da Luz, em Lisboa.

A Itália bateu o registo da Espanha, entre 2006 e 2009, e do Brasil, entre 1993 e 1996, embora neste caso com um revés nos penáltis, na final da Copa América de 1995, com derrota frente ao Uruguai.

Com Seferovic no ‘onze’, os helvéticos tiveram no guarda-redes Yann Sommer a sua principal figura, mantendo a esperança de ganhar o grupo C, no qual são segundos, com sete pontos em três jogos, enquanto os transalpinos lideram, com 11 pontos em cinco desafios.

A Polónia, treinada pelo português Paulo Sousa, foi golear a São Marino, por expressivo 7-1, ficando com 10 pontos no grupo I, a cinco da Inglaterra que antes tinha goleado Andorra (4-0) e mais um do que a Albânia, que ganhou à Hungria por 1-0.

O bracarense Abel Ruiz e o sportinguista Pablo Sarabia foram titulares na Espanha, com o reforço ‘leonino’ a marcar o quarto tento da goleada 4-0 à Geórgia, num grupo B em que a Grécia, com o benfiquista Vlachodimos, empatou 1-1 no Kosovo, que resgatou um ponto com golo de Muriqi, aos 90+2 minutos.

A Espanha passou a liderar, provisoriamente, com 10 pontos em cinco jogos, mais um do que a Suécia que, no entanto, só contabiliza três desafios (o último dos quais triunfo por 2-1 sobre os espanhóis), enquanto o Kosovo tem quatro pontos e a Grécia três.

O benfiquista Vertonghen foi titular na goleada da Bélgica por 3-0 à República Checa, horas depois de o País de Gales ter ganho por 3-2 na Bielorrússia.

Os belgas comandam o grupo E com 13 pontos, seguidos da República Checa, com sete, mais um do que os galeses que, ainda assim, têm dois jogos a menos, somando três.

A Arménia era a líder surpresa do grupo J, contudo foi hoje arrasada e destronada pela Alemanha, agora treinada por Hansi Flick, que goleou por 6-0, começando com um ‘bis’ de Gnabry.

A Roménia ganhou por 2-0 ao Liechtenstein e com isso passou a somar nove pontos, a um da Arménia e a três da Alemanha, no grupo mais equilibrado, já que a Macedónia do Norte tem oito pontos.

RBA // RPC

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS