Mundial2022: Fernando Santos diz que Otávio “pode ser útil” e abre a ‘porta’ a Matheus Nunes

O selecionador português de futebol, Fernando Santos, afirmou hoje que o estreante em convocatórias Otávio “tem características que podem vir a ser úteis à seleção” e abriu a ‘porta’ a uma futura chamada do também luso-brasileiro Matheus Nunes.

Mundial2022: Fernando Santos diz que Otávio

Mundial2022: Fernando Santos diz que Otávio “pode ser útil” e abre a ‘porta’ a Matheus Nunes

O selecionador português de futebol, Fernando Santos, afirmou hoje que o estreante em convocatórias Otávio “tem características que podem vir a ser úteis à seleção” e abriu a ‘porta’ a uma futura chamada do também luso-brasileiro Matheus Nunes.

“É a primeira vez que o Otávio vem à seleção. Tem algumas características que podem vir a ser úteis à seleção, portanto nada melhor do que observar ‘in loco’ o que tem para dar”, observou o técnico, em conferência de imprensa, após divulgar os 25 jogadores convocados para os compromissos de qualificação para o Mundial2022, com República da Irlanda e Azerbaijão, e para o particular com o Qatar.

Otávio, do FC Porto, é um dos três estreantes nas opções do técnico luso, juntamente com o guarda-redes portista Diogo Costa e o central Gonçalo Inácio, do Sporting, numa lista na qual se registam ainda os regressos de João Cancelo, Ricardo Pereira, Domingos Duarte e João Mário, relativamente à fase final do Euro2020.

“Todos os jogadores, sem exceção, que estão nesta convocatória, faziam parte do lote de opções para o Euro2020, estavam na lista inicial de 40 jogadores. A seleção sempre foi um espaço aberto. A qualidade é um critério fundamental na escolha das convocatórias, mas, nesta fase da época, há outro fator importante, que é a identificação dos jogadores com os processos da equipa, uma vez que não vamos ter tempo para treinar. Vamos jogar de três em três dias”, referiu Fernando Santos.

Por outro lado, o selecionador nacional assumiu que o médio luso-brasileiro Matheus Nunes, do Sporting, “está a ser observado há algum tempo” e que tem condições para ser chamado à equipa das ‘quinas’.

“Não estava no lote dos 40 jogadores para o Euro2020, porque, nessa altura, ainda não estava apto a representar a seleção. Só há um mês passou a estar apto. Mas estava na lista de 40 jogadores para esta convocatória. Está cá desde os 12 anos, mas já no ano passado foi observado por nós. Está a ser observado, como outros jogadores”, disse.

Fernando Santos vincou mesmo que “nunca” irá pedir à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) “para naturalizar um jogador para vir à seleção”, mas também garantiu nunca irá “discriminar ninguém que esteja apto a representar Portugal”.

“Desde que estejam aptos e entenda que têm qualidade, fazem parte do lote de observações”, comentou.

Se o particular com o Qatar, em 04 de setembro, será “uma oportunidade para observar jogadores” que Fernando Santos não conhece “tão bem”, as partidas com República da Irlanda e Azerbaijão contam para o Grupo A de qualificação para o Mundial2022.

“Espero que os jogadores respondam à altura. Não havendo tempo para treinar, haverá sempre alguma dificuldade. A Irlanda ainda não tem pontos, mas fez um excelente jogo na Sérvia, apesar de ter perdido por 3-2. Temos o objetivo de estar no Mundial2022 e, para lá chegar, temos de vencer os jogos que temos pelo caminho. Dependemos exclusivamente de nós”, salientou o selecionador.

Fernando Santos afirmou ainda que Cristiano Ronaldo está apto para representar a seleção, apesar das notícias que davam conta de uma lesão contraída num treino da Juventus: “Vi nas notícias que teria um problema no braço, mas não sei. Tenho a certeza de que ele está bem. Se o jogador tivesse algum problema, ter-nos-ia informado”.

A seleção portuguesa recebe a República da Irlanda na quarta-feira, no Estádio Algarve, e seis dias depois joga com o Azerbaijão, em Baku. Pelo meio, vai defrontar o Qatar, num particular agendado para 04 de setembro, em Debrecen, na Hungria.

Portugal lidera o Grupo A de qualificação para o Campeonato do Mundo, com sete pontos, os mesmos da Sérvia, enquanto o Luxemburgo é terceiro, com três, à frente de República da Irlanda e Azerbaijão, que ainda não pontuaram.

A fase de grupos da qualificação europeia para o Mundial2022 termina em novembro e o vencedor de cada um dos 10 grupos apura-se diretamente para a fase final. Os segundos classificados vão disputar os ‘play-offs’ de apuramento, aos quais se juntarão dois vencedores de grupos da Liga das Nações que não consigam qualificar-se diretamente para a fase final ou para os ‘play-offs’.

Destas 12 equipas presentes nos ‘play-offs’, que serão disputados em março de 2022, sairão os últimos três representantes europeus no próximo Campeonato do Mundo, que vai decorrer no Qatar, entre 21 de novembro e 18 de dezembro de 2022.

MO/AJC // JP

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS