Marítimo diz que saída de Lito Vidigal “conhecerá desfecho” após o confinamento

O Marítimo informou não existir “qualquer desentendimento” com Lito Vidigal, assinalando que “assim que esteja concluído o confinamento”, o processo de rescisão com o treinador da equipa da I Liga de futebol “conhecerá o seu desfecho natural”.

Marítimo diz que saída de Lito Vidigal

Marítimo diz que saída de Lito Vidigal “conhecerá desfecho” após o confinamento

O Marítimo informou não existir “qualquer desentendimento” com Lito Vidigal, assinalando que “assim que esteja concluído o confinamento”, o processo de rescisão com o treinador da equipa da I Liga de futebol “conhecerá o seu desfecho natural”.

“Como é do domínio público, vigoram, em Portugal, medidas de isolamento com vista à contenção da pandemia covid-19, e, por isso, assim que esteja concluído o confinamento o processo conhecerá o seu desfecho natural”, explicou o emblema madeirense.

Em comunicado publicado no sítio oficial na Internet, o Marítimo sublinha a “postura positiva” de Lito Vidigal, defendendo que o técnico “sempre foi parte da solução e nunca do problema”.

Lito Vidigal, que tinha contrato por dois anos, vê a ligação ao Marítimo interrompida quatro meses depois da chegada à Madeira, onde liderou o conjunto insular em nove partidas, nas quais conquistou três vitórias, tendo consentido cinco derrotas e um empate.

Os ‘leões do Almirante Reis’ encontram-se na 17.ª e penúltima posição do campeonato, visitando hoje o Farense, último classificado, sob as ordens de Milton Mendes, que tem comandado esta época a formação de sub-23 dos madeirenses.

 

SFYR // RPC

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS